Últimas Notícias
Banca de DEFESA: JOSSIVALDO DE CARVALHO PACHECO
Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JOSSIVALDO DE CARVALHO PACHECO
DATA: 26/05/2017
HORA: 08:30
LOCAL: Auditorio do Tropen
TÍTULO: Impactos ambientais na produção de ração para frango de corte em uma cooperativa de avicultores piauiense
PALAVRAS-CHAVES: avicultura; produção de ração; frango de corte; cooperativismo; avaliação do ciclo de vida; impacto ambiental.
PÁGINAS: 129
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Ciências Ambientais
RESUMO:

A questão ambiental invade todos os setores da vida humana. A avicultura tem papel de destaque na economia e nutrição dos brasileiros. A ração é o principal insumo para a criação de frangos de corte. As cooperativas são modos de participação na vida econômica da sociedade, cujos princípios remetem a características que se integrariam harmonicamente com a produção sustentável. A Avaliação do Ciclo de Vida permite identificar e propor cenários de produção sustentável de ração para frango de corte. Nosso objetivo foi identificar e avaliar os potenciais impactos da produção de ração para frango de corte, com o uso da metodologia de Avaliação do Ciclo de Vida. A coleta de dados foi realizada em uma cooperativa de avicultores de Teresina-PI, e envolve a identificação das matérias-primas, além de sua origem e quantidade; etapas do processo produtivo. Também, utilizou-se dados do Ecoinvent, disponibilizado no software SimaPro, em que foi realizada a modelagem. O método de avaliação utilizado foi o ReCiPe Midpoind (H). A caracterização da avaliação de impacto mostrou que os maiores impactos estão relacionados a utilização de ingredientes com maior teor de energia e proteína, como milho e soja. Isso acontece devido aos impactos ambientais negativos associados à produção agrícola desses materiais (dados do Ecoinvent), além do transporte dos mesmos entre as fazendas em que são cultivados (Uruçuí e Sebastião Leal, região sul do Piauí) e a fábrica em que a ração é produzida (aproximadamente, 520 km distantes de Teresina). Desse modo, são impactos associados às atividades que acontecem fora dos limites da cooperativa. Além disso, a utilização da farinha de carne e ossos, subproduto oriundo de abatedouros, determinou o aparecimento de impactos ambientais positivos em todas as categorias do método utilizado, com destaque para: eutrofização de corpos de água doce, ecotoxidade marinha e depleção da camada de ozônio. O reaproveitamento desses subprodutos (carne e ossos) na ração e, consequentemente, o impedimento do seu descarte é ambientalmente vantajoso. A atividade cooperativa desenvolve-se atendendo minimamente os princípios cooperativos. Não há uma valorização das questões ambientais no processo produtivo, alguns aspectos sociais da atividade empresarial são negligenciados. A Avaliação do Ciclo de Vida é uma ferramenta adequada para identificar cenários de menor impacto ambiental negativo.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 150.292.393-91 - JOSE MACHADO MOITA NETO - UFPI
Interno - 423460 - MARIA DO SOCORRO LIRA MONTEIRO
Interno - 423289 - JOAO BATISTA LOPES
Externo ao Programa - 749.351.783-53 - JOAQUIM SOARES DA COSTA JUNIOR - ULBRA
Externo ao Programa - 2098982 - GIOVANA MIRA DE ESPINDOLA
Externo à Instituição - LEONARDO MADEIRA MARTINS - UNINOVAFAPI
Externo à Instituição - ANTONIO JEOVAH DE ANDRADE MEIRELES - UFC

Cadastrada em: 24/04/2017
Mais Notícias
Processos Seletivos Veja abaixo os processos seletivos disponíveis para nosso Programa de Pós-Graduação.
Calendário Fique por dentro dos eventos relacionados ao nosso Programa de Pós-Graduação.
SIGAA | Núcleo de Tecnologia da Informação - NTI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sig-ap1.srv1inst1 29/04/2017 22:23