Últimas Notícias
Banca de DEFESA: LUCIANA MELO DE FARIAS
Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: LUCIANA MELO DE FARIAS
DATA: 27/11/2017
HORA: 15:30
LOCAL: AUDITÓRIO PROFª FRANCISCA ELIMA CAVALCANTE LUZ
TÍTULO: Efeito da farinha de semente de abóbora (Cucurbita moschata) sobre o metabolismo lipídico em modelo experimental de dislipidemia
PALAVRAS-CHAVES: Cucurbita moschata; abóbora; sementes; dislipidemia; esteatose.
PÁGINAS: 71
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Nutrição
RESUMO:

O uso de alimentos funcionais é uma abordagem atual na prevenção e tratamento nas

Doenças Cardiovasculares. Os subprodutos do processamento de alimentos são ricos em

nutrientes e compostos bioativos, e seu consumo pode melhorar a qualidade da dieta e

contribuir para redução no risco de doenças. Dentre esses subprodutos estão incluídas as

sementes de abóbora Cucurbita moschata, que apresentam elevado pontencial de

utilização. Portanto, o objetivo desse estudo foi avaliar o efeito da farinha de semente de

abóbora (Cucurbita moschata) no metabolismo lipídico em modelo experimental de

dislipidemia e determinar a composição centesimal, o teor compostos fenólicos e a

atividade antioxidante das sementes de abóbora. As sementes foram obtidas de abóboras

crioulas, provenientes de hortas agroecológicas do Nordeste do Brasil. Foram realizadas

análises de caracterização química das sementes por métodos oficiais. O teor de

fenólicos totais e atividade antioxidante in vitro foram determinados em extrato aquoso

e etanólico das sementes. Para o estudo experimental foram utilizados 26 hamsters

(Mesocricetus auratus) machos, distribuídos em três grupos: grupo controle normal

(GCN, n=8), mantidos com ração comercial; grupo controle dislipidemia (GCD, n=8),

mantido com ração enriquecida em gordura saturada e colesterol (dieta dislipidêmica

com 13,5% de gordura de coco e 0,1% de colesterol); grupo semente de abóbora (GSA,

n=10), mantido com dieta dislipidêmica acrescida de sementes de abóbora. Após 28

dias de tratamento foram realizadas determinações de perfil lipídico (colesterol total,

LDL-c, HDL-c, colestereol não-HDL e triglicerídeos), de marcadores bioquímicos de

função hepática (proteínas totais, albumina, AST e ALT), colesterol nas fezes e análise

histopatológica de tecido hepático. Foram identificados nas sementes elevados teores de

lipídios (39,7%) e proteínas (26,4%). O perfil de ácidos graxos mostrou predominância

de ácidos graxos insaturados, especialmente os ácidos oleico e linoleico. Maiores teores

de fenólicos totais e maior atividade antioxidante foram verificados no extrato aquoso.

A dieta hipercolesterolemiante promoveu aumento em todos os parâmetros do perfil

lipídico dos animais do GCD. O tratamento com dieta enriquecida com sementes de

abóbora reduziu significativamente os níveis séricos de triglicerídeos e aumentou a

excreção fecal de colesterol. Não houve alteração na função nem dano hepático, houve

menor acúmulo de lipídios nos hepatócitos, com redução do grau de esteatose hepática

nos animais do GSA. Portanto, as sementes de abóbora apresentaram propriedades

hipotrigliceridêmica e protetor na deposição de lipídeos hepáticos.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 028.061.464-02 - ALESSANDRO DE LIMA - IFPI
Externo à Instituição - ANA MARA DE OLIVEIRA E SILVA - UFS
Interno - 1642393 - KAROLINE DE MACEDO GONCALVES FROTA
Presidente - 1167710 - MARIA DO CARMO DE CARVALHO E MARTINS

Cadastrada em: 21/11/2017
Mais Notícias
Processos Seletivos Veja abaixo os processos seletivos disponíveis para nosso Programa de Pós-Graduação.
Calendário Fique por dentro dos eventos relacionados ao nosso Programa de Pós-Graduação.
  • 07/08/2017 - 08/08/2017 · Matrícula para o período 2017.2.
  • 14/08/2017 · Início do período letivo 2017.2.
SIGAA | Núcleo de Tecnologia da Informação - NTI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb07.ufpi.br.srvjb07 12/12/2017 01:18