Últimas Notícias
Banca de QUALIFICAÇÃO: DENILSON BARBOSA DOS SANTOS
Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: DENILSON BARBOSA DOS SANTOS
DATA: 30/07/2018
HORA: 09:00
LOCAL: Sala do Mestrado 338
TÍTULO: O SENTIDO E O SIGNIFICADO DA PRÁTICA DOCENTE DE GEOGRAFIA EM EDUCAÇÃO DO CAMPO NO CONTEXTO DO PROJETO DE ASSENTAMENTO BUENOS AIRES DO MUNICÍPIO DE CAXIAS-MA
PALAVRAS-CHAVES: Prática docente. Geografia Escolar. Educação do Campo. Assentamento Buenos Aires. Município de Caxias-MA
PÁGINAS: 313
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Geografia
SUBÁREA: Geografia Humana
ESPECIALIDADE: Geografia Agrária
RESUMO:

Esta pesquisa desenvolveu-se considerando a interface entre a Educação do Campo e prática docente de Geografia, sob a lupa da Geografia Humana e de sua subárea, a Geografia Agrária e evidências empíricas, tendo como objetivo geral, analisar o sentido e o significado que o professor atribui à sua prática docente de Geografia em Educação do Campo desenvolvida na U.I.M. Apolônio Facundes de Sousa do PA Buenos Aires do município de Caxias-MA. Os objetivos específicos são: a) Discutir prática docente e ensino de Geografia no contexto da Educação do Campo no Brasil e no Maranhão; b) discorrer sobre o cenário educacional do município de Caxias-MA e a escolarização da população camponesa, destacando o processo de transição da multisseriação a polarização de escolas no campo e suas implicações nas práticas docentes; c) verificar como o professor se percebe enquanto docente de Geografia e o que o move a trabalhar e permanecer atuando na escola do PA Buenos Aires em CaxiasMA; d) Caracterizar a prática docente de Geografia desenvolvida nesta escola na perspectiva da identificação do sentido e do significado atribuídos pelo professor a tal prática; e) Diagnosticar como são ensinados os conteúdos geográficos nesta escola e de que forma essas aulas têm contribuído na formação dos educandos camponeses enquanto seres humanos e cidadãos; f) Descrever os fatores que favorecem ou dificultam o desenvolvimento da prática docente de Geografia em Educação do Campo nesta escola. Os aportes teóricos constituem em autores que dialogam com prática docente (FRANCO, 2016; 2012; 2010; GUARNIERI, 2005; PIMENTA, 1999), Geografia Escolar (COSTELLA, 2017; 2015; CAMACHO, 2011; CASTROGIOVANNI, 2011; 2009; 2007; CALLAI, 2011; CAVALCANTI, 2011; 2010; 2002; KAERCHER, 2007; 1999; CASTELLLAR 2005), Educação do Campo (SILVA; HOELLER, 2010; MIRANDA; RODRIGUES, 2010; CALDART, 2009; 2005; 2004; FERNANDES, 2009a; 2009b; 2005; LEITE, 1999), território (FERNANDES, 2008; FERNANDES; MOLINA, 2004; RAFFESTIN, 1993), lugar (SOUZA, 2013; CASTRO; PESSÔA, 2013; WIZNIEWSKY, 2010; TUAN, 1983) e assentamentos rurais (MATTOS JÚNIOR, 2010; CUNHA; MACHADO, 2009; GIRARDI, 2008) e de pesquisa documental na legislação educacional vigente e outros documentos oficiais que dão base legal e sentido a Educação do Campo e ao ensino de Geografia (BRASIL, 2014; 2013; 2012; 2008; 2002; 2000; 1998; 1996; 1988; CAXIAS/PME, 2015; MARANHÃO, 2010). Optou-se por seguir os parâmetros da metodologia qualitativa de investigação de caráter descritivo (MARAFON et al., 2013; TRIVIÑOS, 2006; MINAYO, 2004; 2000), os quais nortearam todas as etapas do trabalho de campo junto à escola e ao professor de Geografia investigado e demais 47 interlocutores durante observação participante de aulas com registros em diário de campo e fotográfico, aplicação de questionários, realização de entrevistas semiestruturadas em 2017/2018. Os dados recolhidos, agrupou-se em dois eixos temáticos, subdivididos em 5 categorias de análise. Os resultados revelam que o sentido e o significado atribuído a prática docente de Geografia em Educação do Campo do professor investigado estão intimamente vinculados a epistemologia que fundamenta a tal prática, pois baseia-se na Pedagogia Libertadora freireana e na corrente psicológica históricocultural vygostkyana, pois prioriza a mediação do processo de construção do conhecimento de seus educandos, com vista formar cidadãos autônomos, emancipados, críticos, reconhecendo-se como sujeitos históricos. Isto posto, o sentido, aquilo que motiva, incita a este professor a realizar sua prática docente dessa forma, é justamente, com a intenção de não negar aos seus educandos camponeses o que fora negado a ele durante o seu próprio processo de escolarização na Educação Básica.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1510469 - RAIMUNDO WILSON PEREIRA DOS SANTOS
Interno - 1087152 - JOSELIA SARAIVA E SILVA
Externo ao Programa - 2140464 - RAIMUNDO JUCIER SOUSA DE ASSIS
Externo à Instituição - JOSAFÁ RIBEIRO DOS SANTOS - UESPI

Cadastrada em: 20/07/2018
Mais Notícias
Processos Seletivos Veja abaixo os processos seletivos disponíveis para nosso Programa de Pós-Graduação.
Calendário Fique por dentro dos eventos relacionados ao nosso Programa de Pós-Graduação.
  • 06/08/2018 - 07/08/2018 · Matrícula para o período 2018.2.
  • 13/08/2018 · Início do período letivo 2018.2.
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.instancia1 15/08/2018 02:47