News

Banca de DEFESA: MARIA PEREIRA DA SILVA XAVIER

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MARIA PEREIRA DA SILVA XAVIER
DATA: 19/07/2013
HORA: 09:00
LOCAL: Sala de Video II (CCHL)
TÍTULO:

O CONCEITO DE ESPAÇO GEOGRÁFICO NA PRÁTICA DOCENTE EM GEOGRAFIA NO ENSINO MÉDIO


PALAVRAS-CHAVES:

Ensino de Geografia.Conceitos Geográficos.Espaço Geográfico

 


PÁGINAS: 142
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Geografia
SUBÁREA: Geografia Humana
RESUMO:

O presente trabalho intitulado O conceito de Espaço Geográfico na prática docente em Geografia no Ensino Médio, tem como objetivo precípuo analisar a concepção de espaço geográfico do professor de Geografia do ensino médio da rede estadual de ensino atuante no município de Teresina. É um trabalho que segue a abordagem qualitativa, fundamentando-se principalmente em Ludke e André (2012), Gil (2011), Alves-Mazzotti e Gewandsznajder (1998) e Bogdan e Biklen (1994). Na coleta de dados os instrumentais utilizados foram observação semi-estruturada, entrevista e questionário. A sustentação teórica no campo da educação tomou como base a obra de Vigotsky (2001, 2008) ao se referir à construção de conceitos científicos na escola. Para o estudo e compreensão do conceito de espaço geográfico buscou-se apoio em Santos (1977, 1980, 1997a, 1997b, 2008), Corrêa (2006), Haesbaert (2010), Massey (2008) e Sposito (2004), Moreira (2010). A opção pela obra de Milton Santos ocorreu porque se compreende espaço geográfico como social e dinâmico em contínua (re) construção. No tocante ao ensino de geografia tomou-se como referências teóricas os trabalhos de Cavalcanti (2005, 2002), Kaercher (1997, 2011), Oliveira (2001), Pontuschka (2002,) Vesentini (1992) e Castrogiovanni (2011), bem como teses e dissertações relacionadas ao ensino de geografia na atualidade, destacando-se os trabalhos de Silva (2010a), Silva (2010b), Medeiros (2010) Andreis (2009), Evangelista (2000, 2007), Silva (2003, 2007). Quanto ao objetivo principal da pesquisa notou-se convergência para o que preconiza a literatura sobre o ensino de conceitos em geografia. Os professores tiveram dificuldade em externar a concepção de espaço geográfico e seus conceitos correlatos de forma mais sistemática, apresentando-os de maneira difusa e com pouca densidade científica, inclusive misturando pontos de vista. Isso foi corroborado pela triangulação de informações sobre aspectos formativos e socioculturais, denotando a importância da formação contínua e da necessária atualização e revisão conceitual. Evidenciou-se ainda que quanto aos aspectos pedagógicos o quadro e o livro didático foram os recursos mais utilizados pelos professores, enquanto a cópia no quadro e a exposição oral são as atividades didáticas predominantes, apesar de constatar-se a realização de outras com menor frequência. Portanto, a pesquisa aponta para a necessidade de incremento e articulação da relação conteúdo-método, visando ressignificar a educação geográfica no Ensino Médio, potencializando o estudo dos conceitos-chave da área.

 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2280398 - ARMSTRONG MIRANDA EVANGELISTA
Interno - 1167728 - CARLOS SAIT PEREIRA DE ANDRADE
Externo à Instituição - EVAINE MARIA TONINI - UFRGS
Notícia cadastrada em: 02/07/2013 11:49
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 03/10/2022 04:53