Notícias

Banca de DEFESA: PAULO SÉRGIO DA PAZ SILVA FILHO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: PAULO SÉRGIO DA PAZ SILVA FILHO
DATA: 19/04/2023
HORA: 15:00
LOCAL: Sala do conselho departamental - CCS- UFPI Avenida Frei Serafim,2280
TÍTULO: EPIDEMIOLOGIA DA TUBERCULOSE NO MUNICÍPIO DE TERESINA-PI DURANTE A PANDEMIA POR COVID-19
PALAVRAS-CHAVES: Tuberculose. COVID-19. Pandemia. Teresina. Epidemiologia.
PÁGINAS: 63
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Saúde Coletiva
RESUMO:

Introdução: A tuberculose (TB) é uma doença infectocontagiosa causada por bactérias do complexo Mycobacterium tuberculosis. No Brasil, a TB é um importante problema de saúde, onde possui altas taxas de óbitos. Inúmeros fatores têm sido relacionados com a morbimortalidade por TB. Além de fatores sociais, demográficos, comorbidades, notou-se que quando associada à infecção com outros vírus pode-se progredir para um quadro mais grave da doença. Estudos descrevem que a associação entre TB e COVID-19, apesar de incomum, aumenta a taxa de mortalidade dos doentes Objetivo geral: Analisar os casos confirmados de TB em Teresina - Piauí antes e durante a pandemia de COVID-19 no período de 2018 a 2021. Métodos: Estudo epidemiológico descritivo, com coleta de dados retrospectivos e públicos de Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN), referentes aos dados de casos de TB. O estudo foi realizado no município de Teresina/ Piauí, com dados no intervalo de 2018 a 2021. foram organizados em planilhas do Microsoft Excel®, conforme as variáveis sociodemográficas, clínico-epidemiológicas e diagnósticos e laboratoriais. Os dados foram reorganizados no software IBM® SPSS®, versão 26.0, para cálculo de estatísticas descritivas do tipo frequência. Na análise inferencial, foi realizado o Teste Qui-Quadrado de Pearson para verificar a associação entre o período de notificação dos casos confirmados de tuberculose (durante/antes da pandemia) e as variáveis independentes do estudo. Resultados e Discussão: A análise aqui apresentada resulta de 1.526 casos notificados de tuberculose, distribuídos entre 719 durante a pandemia e 807 antes da pandemia de COVID-19. Observa-se que entre os anos selecionados para essa análise, o que apresentou maior número de casos registrados de tuberculose na cidade de Teresina-PI foi 2019, com 412 notificações. O mês que apresentou maior número de notificações foi outubro/2018 (50 casos) e o menor número de notificações ocorreu em dezembro/2021 (07 casos). maioria das notificações tanto antes (535 casos) como durante a pandemia (528 casos) foram de indivíduos com idade igual ou superior a 35 anos. Além disso, vale salienta-se que tanto no período durante (215/30,1%) e antes (499/69,9%) dos casos foram encerrados como cura, mas também é importante mencionar que se notou grande maioria de casos encerrados como ignorados/em branco no período durante a pandemia em relação ao período antes. Conclusão: O presente estudo permitiu a identificação e análise dos fatores relacionados a TB em Teresina-PI, possibilitando assim, ajudar no direcionamento das medidas de controle e prevenção da doença, gerando por fim, ações contra este agravo tão relevante para saúde pública. Com isso, torna-se essencial o aprimoramento da atenção básica à saúde na assistência prestada aos casos suspeitos de TB, além da atuação também diante os pacientes já diagnosticado com a doença.

 

 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 423325 - VIRIATO CAMPELO
Externo ao Programa - 3367697 - MARCIO DENIS MEDEIROS MASCARENHAS
Externo ao Programa - 1167764 - TELMA MARIA EVANGELISTA DE ARAUJO
Externo à Instituição - KARINNA ALVES AMORIM DE SOUSA - SESAPI
Notícia cadastrada em: 10/04/2023 13:20
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb03.ufpi.br.sigaa 19/07/2024 11:09