Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: SANDRA HELENA ANDRADE DE OLIVEIRA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: SANDRA HELENA ANDRADE DE OLIVEIRA
DATA: 15/08/2019
HORA: 14:00
LOCAL: Sala 323-I
TÍTULO: ESPAÇO, POLÍTICA E PODER EM O CASTELO, DE FRANZ KAFKA
PALAVRAS-CHAVES: Espaço. Política. Relação de poder. Kafka. O castelo
PÁGINAS: 40
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Letras
RESUMO:

Esta dissertação, que tem como corpus O castelo, de Franz Kafka, objetiva analisar o modo pelo qual as estruturas políticas e as relações de poder características de um sistema de governo coativo são materializadas no espaço delineado na narrativa em estudo, evidenciando que essa categoria da narrativa está transpassada pelo peso da experiência humana e pelo corte da historicidade. A pesquisa está estruturada em quatro âmbitos básicos. O primeiro deles tem caráter introdutório, apresentando o corpus de análise e a fortuna crítica a ele dedicada. Nesse segmento, ainda se faz uma reflexão sobre o modo como o espaço ficcional está estruturado na obra, sempre revelando as relações políticas, sociais e de poder operacionadas pelo autor. No segundo segmento, se evidencia as relações existentes entre espaço literário, história e sociedade, no que tange à teoria do espaço ficcional desenvolve-se uma reflexão de teoria em caráter crítico que aponta esses elementos como construto literário.  No terceiro, apresenta-se os diferentes mecanismos de produção do espaço, sobretudo aqueles vinculados a redução estrutural, à estruturação cronotópica e ao espaço como produção de presença, bem como esses mecanismos de produção espacial se apresentam na análise. E, por fim, o último segmento se volta para a análise das relações estabelecidas entre espaço e poder vinculados aos sistemas políticos, demonstrando os mecanismos de poder e o modo como o espaço estrutura-se como um elemento eficaz no exercício da manutenção da ordem, do poder e do controle social. Metodologicamente, a apresentação dos resultados, por sua vez, será alcançada pela pesquisa de cunho qualitativo, aquela que trabalha basicamente com a análise de conceitos e ideias. Reforçando esses aspectos mencionados, tem-se o diálogo com os seguintes teóricos: Bakhtin (1998,2018), Brandão (2001,2014), Borges Filho (2007), Candido (1993,2006), Foucault (2001), Lefebvre (2011), dentre outros. Este estudo revela que é possível aplicar os mecanismos de produção do espaço no romance em estudo, pelo crivo social, político e se poder, visto que o perfil da sociedade modela as atitudes das personagens e de K. frente ao posicionamento na aldeia e no castelo.


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 1323576 - ANA CLAUDIA OLIVEIRA SILVA
Interno - 1631589 - BEATRIZ GAMA RODRIGUES
Presidente - 1626700 - CARLOS ANDRE PINHEIRO
Notícia cadastrada em: 06/08/2019 16:55
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 19/06/2021 22:46