Notícias

Banca de DEFESA: ADELANE BRITO RODRIGUES

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ADELANE BRITO RODRIGUES
DATA: 20/02/2020
HORA: 15:00
LOCAL: Sala 323-L
TÍTULO: Multiletramentos na formação inicial de professores: estudo sobre a presença do letramento digital no currículo do curso de Letras Português do CEAD UFPI
PALAVRAS-CHAVES: Ensino Superior. Educação a Distância. Licenciatura. Projeto Político-Pedagógico.
PÁGINAS: 88
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Lingüística
RESUMO:

Ser letrado digitalmente é uma necessidade imprescindível para os dias atuais visto que o maior acesso às tecnologias que temos hoje favorece a proximidade e inserção com práticas socioculturais que requerem o uso de recursos digitais. Tendo em vista a presença constante do digital na vida em sociedade e da necessidade de formação de pessoas preparadas para uma atuação alicerçada em conhecimentos tecnológicos práticos e reflexivos, esta pesquisa originou-se a partir do propósito de verificar como o curso de Letras Português do Centro de Educação a Distância da Universidade Federal do Piauí (CEAD UFPI) forma professores letrados digitalmente e capazes de formar alunos igualmente letrados. A fundamentação teórica da pesquisa apoia-se, sobretudo, nas perspectivas teóricas sobre letramento/multiletramentos (SOARES, 2004), (KLEIMAN, 2005, 2009), (NEW LONDON GROUP, 1996), (CANI; COSCARELLI, 2016) (ROJO; BARBOSA, 2015); letramento digital (PEREIRA, 2017), (DUDENEY; HOCKLY; PEGRUM, 2016), (ARAÚJO; PINHEIRO, 2014), (CORRÊA, 2006), (COSCARELLI, 2017), (GOMES, 2019), (DIAS; NOVAIS, 2009); currículo (GOODSON, 2018), (SACRISTÁN, 2013, 2017), (MACEDO, 2017), (VEIGA, 1998); legislação (BRASIL, 1996, 2001, 2015, 2018) e formação de professores na modalidade a distância (KENSKI, 2013), (MOORE; KEARSLEY, 2013), (BARROS; NÓBREGA, 2016). O estudo é de natureza qualitativa realizado a partir dos procedimentos da pesquisa documental e da análise de conteúdo para verificar a presença do letramento digital tanto nos modelos teórico-didático-filosóficos quanto na grade curricular do curso de Letras Português do CEAD UFPI. Os resultados obtidos apontaram que o incentivo ao letramento digital, embora de maneira breve nos modelos teórico-didático-filosóficos, em poucas disciplinas do curso e sem menção ao termo, está presente no currículo do curso por meio dos conteúdos e das referências de 4 disciplinas. A presença do letramento digital concentra-se, principalmente, no desenvolvimento das competências relacionadas à criação e ao ensino de língua portuguesa com o uso de tecnologias digitais.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1631589 - BEATRIZ GAMA RODRIGUES
Presidente - 2521935 - FRANCISCO WELLINGTON BORGES GOMES
Externo à Instituição - FRANKLIN OLIVEIRA SILVA - UESPI
Notícia cadastrada em: 03/02/2020 11:39
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 20/06/2021 01:13