Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: MICILANE NASCIMENTO DOS SANTOS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MICILANE NASCIMENTO DOS SANTOS
DATA: 23/10/2020
HORA: 10:00
LOCAL: Plataforma Google Meet
TÍTULO: O tratamento da variação linguística no ensino de língua materna: um estudo netnográfico em uma escola pública de Coelho Neto – MA.
PALAVRAS-CHAVES: Variação Linguística. Língua Portuguesa. Prática Docente.
PÁGINAS: 70
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Lingüística
RESUMO:

Esta dissertação que versa sobre o fenômeno da variação linguística no ensino de língua materna traz a seguinte problemática: qual o tratamento dado à variação linguística em aulas de Língua Portuguesa no 1o ano do Ensino Médio em uma escola pública de Coelho Neto-MA? Diante disso, delineamos como objetivo geral: investigar a prática docente no que se refere ao tratamento do fenômeno da variação linguística em aulas de Língua Portuguesa no 1o ano do Ensino Médio em uma escola pública de Coelho Neto-MA. Para tanto, de modo específico, buscamos: identificar as concepções do(a) professor(a) sobre língua e variação linguística; descrever o modo de abordagem da variação linguística enquanto objeto de ensino em aulas de Língua Portuguesa; analisar, sob a perspectiva da Sociolinguística Educacional, o tratamento dado à variação linguística em sala de aula, incluindo o  processo de ensino e aprendizagem. Este estudo apresenta em sua base teórica autores como Labov (2008), acerca da Sociolinguística Variacionista; Bortoni- Ricardo (2004, 2005), no que diz respeito ao ensino de língua materna na perspectiva da Sociolinguística Educacional; Bagno (1999, 2007), sobre variação linguística e preconceito linguístico; Faraco (2008), em relação à temática da norma linguística, dentre outros estudiosos. Trata-se de uma pesquisa de campo com viés etnográfico, de natureza qualitativa e interpretativista. Para a geração de dados, utilizaremos como instrumentos de coleta de dados: observação de aulas, notas de campo, gravações em áudio e entrevista semiestruturada. Devido à pandemia de Covid-19, as aulas estão ocorrendo de forma remota por meio de ambientes de aprendizagem online, por isso o trabalho de campo empregará também o método da netnografia. Este trabalho se justifica pelo fato de trazer à tona um tema relevante para o processo de ensino e aprendizagem, que contribuirá para que os professores de Língua Portuguesa reflitam acerca do respeito e da valorização dos diferentes falares no ambiente escolar. Acreditamos que esta pesquisa trará resultados valiosos que, por sua vez, contribuirão para a compreensão da prática pedagógica e subsidiarão a análise das atitudes empregadas pelos docentes ao tratarem davariação linguística em sala de aula.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 7422420 - CATARINA DE SENA SIRQUEIRA MENDES DA COSTA
Interno - 3108138 - IVEUTA DE ABREU LOPES
Externo ao Programa - 1063909 - JUSCELINO FRANCISCO DO NASCIMENTO
Notícia cadastrada em: 07/10/2020 23:30
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.instancia1 17/06/2021 14:04