Notícias

Banca de DEFESA: DÉBORA MARIA DO NASCIMENTO BEZERRA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: DÉBORA MARIA DO NASCIMENTO BEZERRA
DATA: 23/04/2021
HORA: 14:30
LOCAL: Videoconferência
TÍTULO: UM OLHAR PARA AS HABILIDADES DA BNCC SOBRE REVISÃO E REESCRITA DAS PRODUÇÕES TEXTUAIS: ANÁLISE DE UM LIVRO DIDÁTICO DE LÍNGUA PORTUGUESA.
PALAVRAS-CHAVES: Produção Textual. Revisão e Reescrita. Base Nacional Comum Curricular. Livro didático.
PÁGINAS: 124
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Lingüística
RESUMO:

A revisão e a reescrita de um texto são etapas importantes no processo de produção textual, assim como o planejamento e o próprio ato de escrever, mas talvez sejam etapas que não recebem um olhar atento na realidade de sala de aula e que sejam, muitas vezes, burladas dentro do processo de produção textual. Essa problemática despertou o interesse em refletir sobre até que ponto as propostas de revisão e reescrita apresentadas no livro didático analisado respondem às expectativas de habilidades estabelecidas pela BNCC, e até que ponto essas propostas seriam capazes de possibilitar aos alunos escritores um olhar mais crítico sobre o texto. Dessa forma, objetivo geral deste trabalho é analisar as propostas de atividades de produção textual com o foco nas etapas de revisão e reescrita de um livro didático à luz da Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Os objetivos específicos são: descrever como a revisão e a reescrita são abordadas nas propostas de produção textual do livro didático analisado; identificar as principais concepções de linguagem que estabelecem as habilidades que envolvem a revisão e reescrita de produções textuais inseridas no ensino à luz da BNCC; e verificar como as propostas de produção textual presentes no livro didático correspondem às habilidades exigidas pela BNCC. Para a realização deste estudo, foram utilizados como base teórica autores como Bakhtin (1997; 2011), Marcuschi (2008), Favéro e Koch (2005), Antunes (2002) e Geraldi (2011). Esta pesquisa se torna relevante para o processo de ensino e aprendizagem, podendo servir como fonte de pesquisa e um estímulo à reflexão crítica sobre os processos de escrita e sobre o processo de ensino e aprendizagem de produção textual, considerando que a reflexão é o primeiro passo para a transformação de qualquer realidade. Vale destacar que o estudo faz parte do grupo de pesquisas comum à área da Linguística Aplicada, classificada como de natureza qualitativa, pautada em uma abordagem interpretativista que utiliza como procedimento tanto a pesquisa documental quanto à análise de conteúdos, assumindo as seguintes etapas: leitura e descrição do componente curricular de produção textual de Língua Portuguesa da Base Nacional Comum Curricular, mais especificamente, das orientações relacionadas às etapas de revisão e reescrita; e análise de propostas de produção textual presente no livro didático do 5o ano do Ensino Fundamental da coleção Ápis: Língua Portuguesa, das autoras Ana Trinconi, Terezinha Bertin, Vera Marchezi. Essa pesquisa conclui que falta uma compreensão didática sobre essas etapas e de que forma elas poderiam ser expostas de maneira mais completa para os alunos e professores que utilizam o livro didático como o principal material de apoio e fonte de pesquisa.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1631589 - BEATRIZ GAMA RODRIGUES
Externo à Instituição - FRANKLIN OLIVEIRA SILVA - UESPI
Interno - 3108138 - IVEUTA DE ABREU LOPES
Notícia cadastrada em: 05/04/2021 16:28
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb03.ufpi.br.sigaa 16/06/2021 17:48