Notícias

Banca de DEFESA: ALZENEIDE DA SILVA LOPES

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ALZENEIDE DA SILVA LOPES
DATA: 26/08/2022
HORA: 08:00
LOCAL: Auditório da Pós-Graduação do Centro de Ciências Agrárias/UFPI.
TÍTULO: Detecção do status hídrico por imagens aéreas, crescimento de plantas e produtividade de grãos de milho sob diferentes regimes hídricos.
PALAVRAS-CHAVES: Déficit hídrico, eficiência do uso da água, drone, índice de vegetação.
PÁGINAS: 117
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Agronomia
RESUMO:

A disponibilidade hídrica é um dos fatores mais limitantes para o crescimento,
desenvolvimento e a produtividade do milho. Dessa forma, objetivou-se avaliar o
crescimento, os componentes de produção e a produtividade de grãos de milho submetidos
a distintos regimes hídricos nas condições de solo e clima de Teresina, PI. O experimento
foi conduzido em uma área experimental da Embrapa Meio-Norte, no período de agosto a
novembro de 2019. O delineamento experimental adotado foi em bloco casualizados num
esquema de parcela subdividida, sendo as parcelas representadas por cinco regimes
hídricos (RH), com base na evapotranspiração da cultura (ETc): 40; 60; 80; 100 e 120%
ETc e as subparcelas representadas por dois genótipos de milho o BRS 3046 (híbrido triplo
convencional) e o Status VIP3 (híbrido simples transgênico), com quatro repetições.
Avaliaram-se o crescimento das plantas, componentes de produção, a produtividade de
grãos, eficiência de uso da água (EUA) e a detecção do status hídrico das plantas utilizando
índice de vegetação (IV) obtido a partir de imagens aéreas obtidas por aeronave
remotamente pilotada (ARP). O aumento na disponibilidade de água no solo decorrente da
aplicação dos RH mais favorecidos (120 e 100% ETc) induziu incremento no acúmulo de
matéria seca total (MST), no índice de área foliar (IAF), nas taxas de crescimento da cultura
(TCC) e assimilação líquida (TAL). O híbrido Status VIP 3 apresentou maior acúmulo de
MST, TCC e TAL. A produtividade de grãos tende a aumentar com maiores reposições
hídricas, independentemente do híbrido. Os componentes de produção (número de espigas
por m² e massa de cem grãos) e EUA apresentam incrementos positivos com uma tendência linear crescente à aplicação dos RH. O híbrido Status VIP3 apresentou maior
produtividade de grãos (10.898,3 kg ha-1) e eficiência de uso da água (1,8 kg m-3). O
aumento na disponibilidade de água no solo induz incremento na condutância estomática
(gs), conteúdo relativo de água na folha (CRA) e produtividade de grãos (PG) e reduz o
déficit de pressão de vapor na folha (DPV). Os IV NDVI, TCARI-RE, NGRD e GCI são
promissores para a detecção do estado hídrico, enquanto os IVs NDVI e WDRVI são
promissores para a estimativa da produtividade de grãos do milho. Os mapas dos IVs NDVI,
MNGRD e WDRVI mostram elevada correlação espacial nos parâmetros de gs, VDP, CRA
e PG na cultura do milho em resposta aos regimes hídricos aplicados, indicando potencial
de aplicação das imagens aéreas adquiridas por ARPs para detecção do status hídrico em
milho em condições de campo.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 304.796.653-20 - ADERSON SOARES DE ANDRADE JUNIOR - EMBRAPA
Externo à Instituição - CARLOS ANTÔNIO FERREIRA DE SOUSA - EMBRAPA
Externo à Instituição - LUIS GONZAGA MEDEIROS DE FIGUEREDO JÚNIOR - UESPI
Externo à Instituição - MAGNA SOELMA BESERRA DE MOURA - EMBRAPA
Externo à Instituição - MILTON JOSÉ CARDOSO - EMBRAPA
Notícia cadastrada em: 15/07/2022 16:03
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 02/10/2022 16:34