Notícias

Banca de DEFESA: DIOGO FILIPE SANTOS MOURA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: DIOGO FILIPE SANTOS MOURA
DATA: 16/04/2015
HORA: 15:00
LOCAL: Sala de Vídeo Neton Lopes
TÍTULO:

 Ereignis: Historicidade, verdade e copertencialidade no pensamento de Heidegger.


PALAVRAS-CHAVES:

Ereignis - Ser - Viragem - Historicidade - Metafísica - Verdade


PÁGINAS: 113
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Filosofia
SUBÁREA: Ética
RESUMO:

Este trabalho apresenta a filosofia de Heidegger pôs Ser e Tempo(1972), periodo em que ocorreram mudanças conceituais e terminológicas em sua filosofia no tocante ao tratamento de sua questão principal, a questão do ser, que culminou no pensamento Ereignis. Essa mudança ficou conhecida como a "viragem" do pensamento heideggeriano. Efetivamente a partir dos anos de 1930, a viragem ditou os rumos da temática do ser no sentido de sua historicidade e da verdade (alétheia) como desvelamento. A mudança detreminante para a concepção da historicidade e da verdade do ser foi o pensamento do Ereignis. Por meio de uma pesquisa textual, aqui caracterizou o Ereignis objetivando conhecer os caminhos oferecidos por Heidegger para o velho questionamento sobre o ser na história da ontologia, caracterizada como história da metafísica, bem como a crítica e a resposta do filósofo alemão a ela. Por meio do entendimento da historicidade e da copertencialidade foi almejado um caminho que conduzisse à verdade sdo ser e ao Ereignis. Essa análise mostra o pensamento de Heidegger como uma filosofia da consagração do ser deferenciadamente das filosofias da consumação da metafísica.

 


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - EDGAR LYRA NETTO - PUC - RJ
Externo ao Programa - 1351991 - JOSE RICARDO BARBOSA DIAS
Presidente - 056.630.527-55 - ROSARIO ROSSANO PECORARO - UNIRIO
Notícia cadastrada em: 13/03/2015 15:53
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.instancia1 07/08/2022 16:41