Notícias

Banca de DEFESA: MEIRYANGELA SOUSA DA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MEIRYANGELA SOUSA DA SILVA
DATA: 06/09/2021
HORA: 15:00
LOCAL: VIDEOCONFERENCIA
TÍTULO: ANÁLISE COMPARATIVA DO CONTEÚDO NUTRICIONAL DE PRODUTOS ALIMENTARES VEGANOS E CONVENCIONAIS COMERCIALIZADOS NO BRASIL
PALAVRAS-CHAVES: Dieta vegana; rotulagem de alimentos; qualidade nutricional; aditivos alimentares; nutrição.
PÁGINAS: 88
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Ciência e Tecnologia de Alimentos
RESUMO:

SILVA, MS. Análise Comparativa do Conteúdo Nutricional de
Produtos Alimentares Veganos e Convencionais Comercializados
no Brasil.
2021. Dissertação (Mestrado) - Programa de Pós-graduação
em Alimentos e Nutrição, Universidade Federal do Piauí. Teresina – PI.
A dieta vegetariana preconiza a completa exclusão de carnes, e
demais produtos de origem animal da alimentação. Geralmente, a dieta
vegana fornece menos calorias e gorduras, promovendo benefícios a
saúde. No entanto, existem questionamentos se esses benefícios podem
ser estendidos aos alimentos industrializados veganos. O estudo
objetivou analisar o conteúdo nutricional de alimentos industrializados
veganos em relação a suas versões convencionais equivalentes
disponíveis no mercado nacional. Trata-se de um estudo transversal
onde foram considerados 1257 produtos, sendo 419 alimentos
industrializados veganos e 838 alimentos industrializados
convencionais. As variáveis incluídas no estudo foram: valor
energético, carboidratos, proteínas, gorduras totais, gorduras saturadas,
gorduras
trans, fibras alimentares, sódio e presença de pelo menos um
aditivo alimentar. A análise comparativa do conteúdo nutricional de
alimentos industrializados veganos e convencionais foram realizadas
usando o teste t-Student. As diferenças foram consideradas
estatisticamente significativa quando p≤0,05. O software utilizado foi o
Stata versão 12. Os alimentos industrializados veganos apresentaram
um menor teor de sódio, gorduras
trans e proteínas, um elevado
conteúdo em fibras alimentares, e menor presença de aditivos. No
entanto, o estudo não encontrou diferenças em relação ao conteúdo
energético (302,61±192,08 Kcal vs 325,00±251,34 Kcal, p=0,109),
carboidratos (34,12±27,89g vs 32,39±43,01g, p= 0,457) e gorduras
totais (14,97±18,44g vs 16,70±18,94g, p=0,123), entre os alimentos
industrializados veganos e convencionais. Esses achados são
importantes para conscientizar a população sobre o perfil nutricional
desses alimentos e os riscos à saúde que podem estar expostos ao
optarem por alimentos industrializados na dieta.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 849.404.253-04 - AMANDA DE CASTRO AMORIM - UFPI
Externo ao Programa - 1446983 - CLÉLIA DE MOURA FÉ CAMPOS
Externo ao Programa - 423672 - MARTHA TERESA SIQUEIRA MARQUES MELO
Interno - 1167746 - REGILDA SARAIVA DOS REIS MOREIRA ARAUJO
Notícia cadastrada em: 27/08/2021 17:48
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.instancia1 24/09/2022 12:32