Notícias

Banca de DEFESA: FABIANA UCHÔA GOUVEIA ROLIM

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: FABIANA UCHÔA GOUVEIA ROLIM
DATA: 17/05/2016
HORA: 15:00
LOCAL: Auditório do Curso de Odontologia - SG10
TÍTULO:

EFEITO DO DENTIFRÍCIO COM ALTA CONCENTRAÇÃO DE FLÚOR NA DESMINERALIZAÇÃO DA DENTINA EXPOSTA A DIFERENTES FREQUÊNCIAS DE SACAROSE


PALAVRAS-CHAVES:

Biofilme, Desmineralização, Dentina, Flúor, Sacarose


PÁGINAS: 55
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Odontologia
RESUMO:

Cárie é uma doença biofilme-açúcar-dependente e entre os carboidratos da dieta, a sacarose é considerada a mais cariogênica. A eficácia do fluoreto (F) no controle da cárie se deve principalmente ao seu efeito físico-químico. Estudos anteriores determinaram a desmineralização do esmalte mediante a exposição a diferentes frequências de sacarose. Entretanto, o comportamento da dentina não foi elucidado. Dessa forma, o objetivo do presente estudo foi avaliar a desmineralização da dentina mediante exposição a diferentes frequências de sacarose na presença do dentifrício com alta concentração de F. Para tal, um estudo in situ, cruzado, do tipo boca dividida, e cego para o examinador foi desenvolvido. Durante 3 fases de 7 dias cada, 10 voluntários utilizaram um disposto palatino contendo 4 blocos de dentina obtidos a partir de incisivos bovinos com dureza prévia inicial mensurada, sendo colocado 2 blocos de cada lado do aparelho. Solução de Sacarose a 20% foi gotejada sobre os blocos de dentina combinando as frequências de 0 (controle), 2, 4, 6, 8 ou 10x/dia de acordo com o desafio ao qual estavam participando na fase experimental. Simultaneamente, utilizaram 3x/dia um dentifrício fluoretado (5.000 ppm F; NaF). Após cada fase, a dureza final foi mensurada e a porcentagem de perda de dureza de superfície (%PDS) foi determinada, bem como a concentração de F solúvel em álcali e a biomassa. Os dados foram analisados por ANOVA e teste Tukey com nível de significância fixado em 5%. Observou-se que desmineralização da dentina e a biomassa formada aumentaram significativamente quando a frequência de sacarose era superior a 6x/dia, enquanto que a precipitação de CaF2 diminuiu a partir da frequência de 2x/dia. Os resultados sugerem que o dentifrício com alta concentração de Flúor é capaz de controlar a desmineralização da dentina quando a frequência de uso de sacarose não for superior a 6x/dia.

 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1960448 - GLAUBER CAMPOS VALE
Interno - 1301059 - MARCOELI SILVA DE MOURA
Externo à Instituição - MARIA CRISTINA CARVALHO DE ALMENDRA FREITAS - FACID
Interno - 1167674 - RAIMUNDO ROSENDO PRADO JUNIOR
Notícia cadastrada em: 06/05/2016 20:01
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.instancia1 24/09/2022 23:48