Notícias

Banca de DEFESA: MOEMA MODESTO FONSECA ROCHA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MOEMA MODESTO FONSECA ROCHA
DATA: 19/02/2014
HORA: 09:00
LOCAL: Auditório do curso de Odontologia - bloco 10
TÍTULO:

Avaliação da saúde bucal de crianças e adolescentes submetidos à quimioterapia, em curto período de tempo- um estudo observacional



PALAVRAS-CHAVES:

Chemotherapy, Oral Health , Oral Hygiene,  Children , Adolescent,  Neoplasm


PÁGINAS: 60
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Odontologia
SUBÁREA: Clínica Odontológica
RESUMO:

RESUMO:

 

ste estudo teve como objetivo avaliar o estado de saúde bucal de crianças  e adolescentes submetidos a  quimioterapia, antes do início do tratamento e durante curto período de tempo. Um total de 27 pacientes de ambos os sexos com idade entre  1-16 anos com diagnóstico de neoplasia maligna  foram  selecionados para o estudo. Foram avaliados os índices ceo-d/CPO-D, índice gengival modificado (IGM), índice de placa visível (IPV) e índice de mucosite oral no momento da admissão hospitalar e a cada 05 dias após início da quimioterapia. Houve predominância do sexo masculino (55,6%) e a média de idade foi de 6,8 anos ± 5,0; 63% foram diagnosticados com neoplasias hematológicas. No exame inicial (To), os pacientes apresentaram uma média de CPO-D=3,63(±4,17) e ceo-d=1,91(±3,02).Nos diferentes intervalos de tempo, o CPO-D não apresentou alterações consideráveis nas médias, no entanto a média do ceo-d aumentou (p>0.05). Houve um aumento na média do IGM entre o 10°(T2),15°(T3) e 20°dia(T4) de avaliação e uma diminuição nos intervalos seguintes (p>0.05). O IPV diminuiu nos primeiros dias de avaliação, aumentou aos 15 dias (p = 0,022) e voltou a diminuir no 20° dia (T4) (p= 0,028). Foi observado a presença de mucosite em grande parte do período avaliado, estando ausente apenas no 45°(T9) e 50°dia (T10),porém sem diferença estatística significativa entre os tempos. Com base nestes dados, pode-se concluir o tratamento quimioterápico em crianças e adolescentes não teve impacto significativo na saúde bucal avaliada pelo CPO-D, ceo-d, IGM, IPV e índice de mucosite oral, durante curto período de tempo. O estado inicial de saúde bucal verificado neste trabalho indica a necessidade de cuidados odontológicos prévios e ao longo do tratamento antineoplásico.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - GUSTAVO PINA GODOY - UEPB
Interno - 1301059 - MARCOELI SILVA DE MOURA
Interno - 1790736 - MARINA DE DEUS MOURA DE LIMA
Presidente - 1167676 - SIMONE SOUSA LOBAO VERAS BARROS
Notícia cadastrada em: 30/01/2014 10:03
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 06/10/2022 16:38