Notícias

Banca de DEFESA: JESSA IASHMIN ALCOBACA GOMES MACHADO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JESSA IASHMIN ALCOBACA GOMES MACHADO
DATA: 19/12/2014
HORA: 14:30
LOCAL: Auditório do Curso de Odontologia - bloco SG10
TÍTULO:

AÇÃO ANTIMICROBIANA IN VITRO DE PASTAS ANTIBIOTICAS PARA TRATAMENTO ENDODONTICO DE DENTES DECÍDUOS



PALAVRAS-CHAVES:

dente decíduo, pulpectomia, odontopediatria, materiais obturadores do canal radicular


PÁGINAS: 62
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Odontologia
SUBÁREA: Odontopediatria
RESUMO:

AÇÃO ANTIMICROBIANA IN VITRO DE PASTAS ANTIBIOTICAS PARA TRATAMENTO ENDODONTICO DE DENTES DECÍDUOS

 

           

Introdução: O objetivo deste estudo foi avaliar a atividade antimicrobiana in vitro da pasta CTZ comparada com pastas de óxido de zinco e eugenol (OZE) com e sem adição de antibióticos. Métodos: Foram avaliadas quatro pastas (Pasta CTZ; Pasta OZE + Tetraciclina; Pasta OZE + Cloranfenicol e Pasta OZE). Para análise, foram utilizados os micro-organismos de referência Staphylococcus aureus, Enterococcus faecalis, Pseudomonas aeruginosa, Bacilus subtilis, Candida albicans e Pool microbiano e realizados os testes de Difusão em Ágar (TDA) e de Contato Direto (TCD). No TCD, o crescimento microbiano foi medido espectrofotometricamente a cada hora, por 10 horas, e após 20 e 24 horas. Para análise estatística, foram utilizados o teste ANOVA com post-hoc de Bonferroni e teste t. Resultados:  As quatro pastas apresentaram diferenças significativas (P < .05) contra S. aureus (P < .001), E. faecalis (P = .001), P. aeruginosa (P < .001) e Pool microbiano (P < .001) no TDA. B. subtilis apresentou-se como o mais sensível à ação de todas as pastas. No TCD, as pastas reduziram significativamente o crescimento de E. faecalis, P. aeruginosa, B. subtilis e Pool microbiano em comparação ao controle positivo. A pasta CTZ apresentou redução nas UFC de todos os micro-organismos, enquanto a pasta OZE não promoveu inibição significativa dos mesmos. Conclusões: A pasta CTZ apresentou ação antimicrobiana semelhante à pasta óxido de zinco e eugenol com adição de cloranfenicol e superior a das outras pastas testadas.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 2572995 - AIRTON MENDES CONDE JUNIOR
Externo à Instituição - LILIAN DE FÁTIMA GUEDES AMORIM - UFG
Presidente - 423338 - LUCIA DE FATIMA ALMEIDA DE DEUS MOURA
Interno - 1654493 - MARCIA DOS SANTOS RIZZO
Notícia cadastrada em: 24/11/2014 10:09
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 06/10/2022 18:12