Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: JESSICA GADELHA MORAIS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JESSICA GADELHA MORAIS
DATA: 01/03/2016
HORA: 09:00
LOCAL: Auditório do Museu de Arqueologia
TÍTULO:

AQUI JAZEM MUITAS HISTÓRIAS: UM RESGATE ARQUEOLÓGICO DO ACERVO HISTÓRICO DO CEMITÉRIO SANTO ANTÔNIO EM CAMPO MAIOR-PIAUÍ (1804-1978)


PALAVRAS-CHAVES:

Palavras-chave: Cemitério. Patrimônio fúnebre. Campo Maior – Piauí.


PÁGINAS: 180
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Arqueologia
SUBÁREA: Arqueologia Histórica
RESUMO:

A presente dissertação tem como objetivo investigar o Cemitério Santo Antônio destacando o potencial contido em seu acervo como instrumento para tecer reflexões sobre o patrimônio funerário piauiense. O mesmo está localizado a 80 Km da capital Teresina no município de Campo Maior – Piauí, sua escolha é atribuída ao fato de ter sido provavelmente a primeira necrópole da cidade. A investigação é feita através de descrição e análise interpretativa de seus artefatos e enxoval funerário cuja ênfase é dada as lápides sepulcrais em virtude da variedade de informações que agregam. Nela encontram-se os elementos iconográficos (desenhos, gravuras, signos e etc.) e elementos gráficos (o texto escrito) que revelam ou ocultam a história dos mortos para os vivos, ou seja, permitem identificar possíveis mudanças da representação da morte bem como podem ser considerados como documentos (fontes de informações) que permitem diferentes análises sobre a comunidade a qual pertence. O percurso metodológico partiu de: pesquisa in loco, com o levantamento de dados por unidade de sepulturas através de elaboração e preenchimento de fichas técnicas, cujo trabalho de inventários realizados por Castro (2014) foi de crucial importância; pesquisa documental, com consulta dos Livros de Tombo da Freguesia de Campo Maior N°1 e 2, de batismo, de casamento, e de registro de óbitos; e pesquisa bibliográfica, consistindo no levantamento de publicações sobre estudos cemiteriais, pela abordagem da História e da Arqueologia Histórica, incluindo o levantamento da produção local sobre o cemitério Santo Antônio. As atitudes e representações da morte, por serem temas afins, também foram contempladas. Entre os autores que se destacam por tais publicações estão Reis (199); Lima (1994); Borges (2002); e Grassi (2014) entre outros apresentados no decorrer do texto.

Palavras-chave: Cemitério. Patrimônio fúnebre. Campo Maior – Piauí.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2153338 - MARIA DO AMPARO ALVES DE CARVALHO
Interno - 1520279 - FRANCISCA VERONICA CAVALCANTE
Interno - 1656931 - JACIONIRA COELHO SILVA
Externo à Instituição - VIVIANE PEDRAZANI - UESPI
Notícia cadastrada em: 01/03/2016 19:08
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.instancia1 05/10/2022 22:07