Notícias

Banca de DEFESA: FRANCISCO EDMAR MOREIRA DE LIMA NETO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: FRANCISCO EDMAR MOREIRA DE LIMA NETO
DATA: 14/05/2021
HORA: 08:00
LOCAL: sistema remoto
TÍTULO: Produção de filmes poliméricos a base de ágar e goma do cajueiro: avaliação do efeito do teor de plastificante e incorporação de ativo natural
PALAVRAS-CHAVES: Membranas, Polissacarídeo natural, Extrato
PÁGINAS: 101
GRANDE ÁREA: Outra(s)
ÁREA: Multidisciplinar
RESUMO:

Com a procura de novos materiais que possam substituir embalagens oriundo de petróleo, devido sua baixa degradabilidade e seus impactos ambientais, faz-se necessário estudos com polímeros naturais, e potencializar os mesmo com a incorporação de ativos. Dessa forma, o trabalho tem como objetivo produzir filmes à base de dois polissacarídeos ágar e goma do cajueiro adicionado de extrato da casca de Anacardium microcarpum Ducke e na presença de diferentes concentrações de plastificante. Para isso, foi realizada a extração dos polissacarídeos e caracterização por meio da determinação de massa molar e análise elementar. Foi produzido o extrato hidroalcoólico da casca de A. microcarpum e sua caracterização através de fitoquímica qualitativa e quantitativa e por cromatografia de alta eficiência, atividade antioxidante por método DPPH e ABTS, antibacteriana e antifúngica. Os materiais adquiridos foram utilizados para a produção dos filmes pela a técnica de casting e utilizado glicerol como plastificantes nas concentrações de 0, 5, 10, 15 e 30 g/ g de polímero e realizados análise físico-químicas e atividade antioxidante e antibacteriano por difusão em placa.  Como resultado, o extrato teve um rendimento de 16,4 % e tendo sido encontrado as classes de compostos saponina, fenóis, taninos, flavonoides, ácidos orgânicos e polissacarídeos em sua composição, sendo componente majoritário os polifenóis verificados via CLAE. O resultado antioxidante foi satisfatório pelo método DPPH e ABTS. Em relação a atividade antibacteriana do extrato, obteve resultado tanto para Gram +, quanto para Gram - sendo os melhores resultados para S. aureus e S. epidermidis. Já para antifúngico os melhores resultados foram para Candida krusei e Trichophyton interdigitale. Os filmes produzidos com e sem o extrato, com glicerol na concentração 15g/g de plastificante (GL15 e GL15ex) apresentaram os melhores resultados quanto à reprodutibilidade e flexibilidade. Os filmes apresentaram espessura entre 0,0592 a 0,111 mm verificando-se que o teor de plastificante e a incorporação do ativo contribui para aumento de sua espessura.  A transparência é afetada tanto pela adição do glicerol quanto do extrato. O teor de umidade aumenta com a incorporação do extrato e do glicerol que chega a um ponto de saturação que ocasiona um menor teor. Em relação a absorção de água pode-se notar zonas de absorção e de perda de massa, além disso, o glicerol ocasiona um maior controle no processo de inchaço dos filmes, o mesmo não acontece com a incorporação do extrato que interfere no efeito de absorção das moléculas de água. A liberação do extrato em água foi ajustada para os diversos modelos cinéticos, as amostras apresentaram um comportamento de liberação controlado por mecanismos de difusão e erosão. A incorporação do extrato proporcionou a melhoria da atividade antioxidante dos filmes em 60%. Os filmes apresentaram potencial antioxidante principalmente quando incorporado o ativo. Em relação à atividade antibacteriana os filmes sem o extrato não obtiveram resultado, quando analisadas os com extratos pode-se notar a atividade frente às cepas testadas. Os resultados de adesão demonstraram que é necessária uma pequena força para aplicação e retirada dos filmes com força de 0,2 a 0,6 N. Assim, os resultados indicam a potencialidade de emprego destes sistemas para desenvolvimento de produtos biotecnológicos.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - BARTOLOMEU WARLENE SILVA DE SOUZA - UFC
Presidente - 1718303 - DURCILENE ALVES DA SILVA
Interno - 1789383 - JEFFERSON SOARES DE OLIVEIRA
Notícia cadastrada em: 30/04/2021 10:36
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 08/12/2022 09:46