Notícias

Banca de DEFESA: JHONES DO NASCIMENTO DIAS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JHONES DO NASCIMENTO DIAS
DATA: 17/03/2015
HORA: 15:00
LOCAL: Sala de Reuniões - CMRV
TÍTULO:

AVALIAÇÃO DO POTENCIAL ANTIOXIDANTE DAS SEMENTES DO FRUTO DA ESPÉCIE BOTÂNICA Cola acuminata (Sterculiaceae)


PALAVRAS-CHAVES:

Química e Bioquímica Aplicada à Biotecnologia




PÁGINAS: 76
GRANDE ÁREA: Outra
ÁREA: Multidisciplinar
RESUMO:

A noz de cola é uma semente da espécie botânica Cola acuminata (Sterculiaceae) e nativa da África oriental, que tem sido usado principalmente na produção de refrigerantes. Neste trabalho, o objetivo foi determinar o conteúdo total de compostos fenólicos usando o método Folin-Ciocalteu e avaliar a capacidade antioxidante in vitro dos extratos aquoso, metanólico, etanólico e acetônico usando as metodologias de captura de radicais DPPH e ABTS+. As amostras foram coletadas na cidade de Salvador no estado da Bahia, Brasil. O resultado do conteúdo de compostos fenólicos totais, expresso em miligramas de ácido gálico (mEAG) por g-1 de amostra, demostrou que a concentração variou  de 0.48 – 9.80. O ensaio mostrou que o extrato etanólico apresentou o valor mais elevado (p <0,05). A atividade antioxidante, quando medida pelo método DPPH, mostrou que o extrato acetônico apresentou o maior valor, com 22,35 ± 0,91 expressa como μMtrolox.g-1. Quando a atividade antioxidante foi avaliada através do método ABTS, a noz de cola apresentou a maior capacidade antioxidante, com valor TEAC de 3920 ± 59 expressa como μMtrolox.g-1 para o extrato acetônico (p<0,05). Assim, as nozes de cola estudadas neste trabalho, representam potenciais fontes de compostos fenólicos, além de possuir capacidade antioxidante in vitro significativa.

 


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1718303 - DURCILENE ALVES DA SILVA
Presidente - 1522598 - PEDRO SANCHES DOS REIS
Notícia cadastrada em: 09/03/2015 16:42
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 06/12/2022 03:17