Notícias

Banca de DEFESA: TIAGO LINUS SILVA COÊLHO

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: TIAGO LINUS SILVA COÊLHO
DATA: 28/09/2023
HORA: 14:00
LOCAL: Auditório do Programa de Pós-Graduação em Química/UFPI
TÍTULO: Estratégias de preparo de amostra em estudo de carotenoides em caju e minerais em cajuína e murici.
PALAVRAS-CHAVES: Caju; Cajuína; Minerais; Carotenoides; Extração assistida por ultrassom; Planejamento experimental fatorial e metodologia de superfície de resposta; ICP OES.
PÁGINAS: 115
GRANDE ÁREA: Ciências Exatas e da Terra
ÁREA: Química
RESUMO:

Frutas são uma excelente fonte de vitaminas, minerais e antioxidantes que são necessários para o funcionamento adequado do organismo e promoção da saúde humana. Para retirar informações químicas dessas matrizes é necessário passar por uma etapa prévia antes de qualquer análise, o preparo de amostra. Na maioria dos casos, esta é a etapa mais crítica de todo processo analítico, onde os analistas gastam mais tempo afim de obter resultados mais adequados e confiáveis para o estudo proposto. Nesse contexto, o objetivo deste trabalho é a investigação de estratégias de preparo de amostra em estudo de carotenoides em caju e da composição mineral em cajuína e murici. O primeiro estudo realizou a otimização da extração assistida por ultrassom para a determinação de Ca, Cu, Fe, K, Mg, Na, P, S e Zn em Cajuínas por ICP OES. As condições ótimas foram 30 minutos de tempo de sonicação, 4 mL de HNO3 8 mol L-1e 1,5 mL de H2O2. O método proposto apresentou boa exatidão e precisão resultando em resultados robustos comparáveis ao método de referência, tornando-se uma alternativa a digestão por micro-ondas para preparação de amostras em Cajuína e matrizes de sucos similares. Os valores de concentração dos minerais em Cajuína variaram de: 0,98 a 3,4 para Ca, 0,0006 a 0,052 para Cu, 0,02 a 1,49 para Fe, 23,6 a 420,8 para K, 15,8 a 33,2 para Mg, 3,44 a 40,8 para o Na, 9,4 a 23,4 para P, 6,2 a 22,2 para S, 0,2 a 0,8 para Zn (em mg 200mL-1). Em outro estudo, foi avaliado dois métodos de digestão (bloco e ultravioleta) para determinação de Ca, Cu, Fe, K, Mg, Na, P, S E Zn em Murici empregando ICP OES. Aplicou-se um planejamento fatorial para chegar as condições ótimas, fez ensaios de adição e recuperação, por fim, comparou os resultados obtidos pelos dois métodos com a técnica de referência. As condições ótimas para o bloco digestor foram com volume de HNO3 de 6 mL, massa de amostra de 140 mg, concentração de HNO3 de 5,8 mol L-1 e volume de H2O2 de 2,1 mL. Já para o UV, as melhores foram com massa de amostra de 120 mg, concentração de HNO3 de 7 mol L-1 e volume de H2O2 de 2,3 mL. Obteve-se entre 84% e 118%, para os ensaios de adição e recuperação, os resultados das duas técnicas demostram terem boa concordância com os valores obtidos pela digestão assistida por micro-ondas. Os métodos desenvolvidos podem ser considerados de fácil execução, preciso, exato e podem ser usados como uma alternativa para análise de rotina de Ca, P, Cu, Fe, K, Mg, Na, S e Zn em amostra de murici. Um terceiro estudo, realizou a otimização dos métodos EC e EAU para extração de carotenoides do caju. Foi aplicado otimização multivariada sequencial com o planejamento centroide simplex e composto central. Os modelos apresentaram ajuste satisfatório aos dados experimentais, o que resultou em condições ótimas confiáveis, repetíveis e exatas. A aplicação da EAU é mais efetiva em relação a técnica convencional pois apresentou maior rendimento, menor tempo e solução extratora mais simples quando comparada a EC. O teor de carotenoides encontrado em caju vermelho foi superior ao de caju amarelo.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1635927 - EDIVAN CARVALHO VIEIRA
Interno - 2350685 - BENEDITO BATISTA FARIAS FILHO
Interno - 1998602 - EVERSON THIAGO SANTOS GERONCIO DA SILVA
Externo ao Programa - 1614544 - JURANDY DO NASCIMENTO SILVA
Externo à Instituição - LETÍCIA MALTA COSTA - UFMG
Externo à Instituição - SHERLAN GUIMARÃES LEMOS - UFPB
Externo à Instituição - WLADIANA OLIVEIRA MATOS - UFC
Notícia cadastrada em: 21/09/2023 08:18
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb03.ufpi.br.sigaa 17/06/2024 20:56