Notícias

Banca de DEFESA: MICHELLI FERREIRA DOS SANTOS

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MICHELLI FERREIRA DOS SANTOS
DATA: 27/06/2016
HORA: 08:30
LOCAL: NUPCelt/UFPI/Teresina
TÍTULO:

Sequenciamento do DNA, montagem do genoma mitocondrial e desenvolvimento de marcadores moleculares para a análise genética da lagosta (Panulirus echinatus, Smith, 1869)


PALAVRAS-CHAVES:

Diversidade genética, microssatélites, Miseq, sequências.


PÁGINAS: 127
GRANDE ÁREA: Ciências Biológicas
ÁREA: Biologia Geral
RESUMO:

A lagosta espinhosa ou marrom (Panulirus echinatus, Smith, 1869) é amplamente distribuída nos Atlânticos Central, Ocidental e Oriental. Representa um dos mais importantes recursos pesqueiros do litoral das regiões Norte e Nordeste do Brasil, são intensamente exploradas por possuírem alto valor comercial, com isso, estratégias para o manejo sustentável devem compreender também estudos de diversidade genética da espécie. Nosso trabalho teve como objetivo o sequenciamento do genoma da lagosta, utilizando a tecnologia de sequenciamento de nova geração, visando a descrição de marcadores microssatélites, além da montagem do genoma mitocondrial da espécie. O DNA alvo utilizado para o sequenciamento foi extraído do tecido muscular da lagosta. 1 ng desse DNA foi utilizado para obtenção dos reads que foram submetidos a posterior sequenciamento. Para tanto, uma biblioteca de extremidades emparelhadas da Illumina foi criada conforme especificações do kit de preparação da Illumina Nextera (Illumina Inc.). O sequenciamento foi conduzido usando o sequenciador Miseq Benchtop (Illumina Inc.). As sequências contíguas (contigs) foram criadas a partir dos dados das sequências emparelhados pelas extremidades obtidas por meio do CLC Genomics Workbench 7.0.4 (Qiagen). Os motifs de microssatélites foram identificados e localizados utilizando o software MSDB, foram realizadas buscas por regiões microssatélites e 27 pares de locos SSRs tri e tetranucleotídicos foram selecionados. O genoma mitocondrial foi completamente montado por interações no software MITObim. Os resultados obtidos, após o sequenciamento foi uma plataforma com 7196 sequências contíguas, onde 2959 SSR foram identificados, entre seis classes de marcadores SSRs. Dos 27 primers selecionados, 17 apresentarem polimorfismo e 3 foram monomórficos. O genoma mitocondrial completo da lagosta é de 15.808 pb, contendo 13 genes codificadores de proteínas, 22 RNAs de transferência e 2 RNAs ribossomais, a ordem dos genes é exatamente a mesma observada para outros mitogenomas do gênero Panulirus. Os dados fornecidos podem ajudar a esclarecer as relações evolutivas dentro da família Palinuridae, e ser usados para estudos de genética de populações e identificação de organismos em crustáceos.


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 1716862 - ADALBERTO SOCORRO DA SILVA
Externo ao Programa - 1342714 - ANGELA CELIS DE ALMEIDA LOPES
Externo ao Programa - 1737174 - FABIO BARROS BRITTO
Presidente - 247.195.523-15 - FABIO MENDONCA DINIZ - EMBRAPA
Interno - 423287 - JOSE RIBEIRO DOS SANTOS JUNIOR
Externo ao Programa - 423361 - REGINA LUCIA FERREIRA GOMES
Externo à Instituição - VLADIMIR COSTA SILVA - UFPI
Notícia cadastrada em: 10/06/2016 13:56
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 30/09/2022 10:39