Notícias

Banca de DEFESA: FABIANA DE MOURA SOUZA

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: FABIANA DE MOURA SOUZA
DATA: 30/04/2021
HORA: 15:00
LOCAL: Plataforma Google Meet
TÍTULO: EFEITO CARDIOPROTETOR DO COMPLEXO DE INCLUSÃO (-)- BORNEOL/BETACICLODEXTRINA NO INFARTO AGUDO DO MIOCÁRDIO INDUZIDO POR ISOPROTERENOL EM RATOS: ESTUDOS BIOQUÍMICOS, HISTOPATOLÓGICOS E IN SILICO
PALAVRAS-CHAVES: borneol, ciclodextrina, infarto agudo do miocárdio, cardioproteção, citocinas.
PÁGINAS: 145
GRANDE ÁREA: Outra(s)
ÁREA: Biomedicina
RESUMO:

O monoterpeno (-)-borneol ((-)-BOR) fórmula molecular (C10H17OH) tem demonstrado potencial para aplicação farmacológica ampla, como no tratamento de doenças cardiovasculares, no entanto apresenta uma baixa solubilidade em água e alta suscestibilidade à sublimação, características que podem ser superadas através da formação do complexo de inclusão com ciclodextrinas (CD). Considerando o crescente interesse na aplicação farmacológica desta molécula e estudos realizados anteriormente por nosso grupo de pesquisa, que levaram a obtenção de uma patente relacionada a sua atividade antihipertensiva, esse trabalho da continuidade a avaliação do (-)-BOR no tratamento de doenças do sistema cardiovascular, tendo como objetivos a obtenção do complexo de inclusão (-)- borneol em β ciclodextrina ((-)-BOR/βCD) usando a técnica de spray drying e a investigação do efeito cardioprotetor em modelo de infarto agudo do miocárdio em ratos. Após o preparo do complexo este foi caracterizado através da técnica de difração de raio X, avaliado o coeficiente de complexação aplicando a equação da curva analítica e composição do complexo. Para investigação da atividade cardioprotetora em modelo de infarto agudo do miocárdio induzido por isoproterenol (ISO) (CEUA: 276/16), os animais foram divididos em grupos que receberam solução salina (7 dias, v.o., dias 8 e 9, via s.c.), ou ISO (85 mg/kg, s.c.; 8º dia e 9º dia), ou foram pré-tratados com administração de (-)- BOR/βCD (100 mg/kg, v.o.) por 7 dias e ISO (85 mg/kg, s.c.; 8º dia e 9º dia). Durante o tratamento foi acompanhada a mortalidade e peso corporal. Após eutanásia foi realizada a coleta de sangue para análises de coagulação, hematológicas e bioquímicas, e a coleta do coração, para avaliação macroscópica da área de necrose, relação peso do coração/peso corporal e obtenção de secções histológicas, para fotomicrografias, obteção dos escores a análise semi-quantitativa de dano do tecido. Para avaliação do mecanismo de ação do (-)-BOR/βBC, foi realizado estudo in silico utilizando pacote Autodock 4.2., para avaliação da interação do (-)-BOR com a protease NFkB e TNF-alfa, em seguida foi realizado estudo de citocinas pró-inflamatórias no tecido cardíaco de camundongos. Após a preparação do complexo, o perfil cromatográfico indicou a formação do complexo de inclusão (-)- BOR/βCD, com teor de 12,8 mg de (-)-BOR em 100 mg de complexo de inclusão (-)-BOR/βCD, representando uma eficiência de complexação de 107,6%. Em relação a avaliação da atividade farmacológica, o pré-tratamento com o complexo de inclusão (-)-BOR/βCD reduziu as alterações macroscopicas promovidas pelo ISO e a mortalidade, além de promover uma atenuação significativa do aumento da massa cardíaca do grupo tratado com o (-)-BOR/βCD em relação ao grupo ISO. Não houve diferença estatística na avaliação do tempo de protrombina (TAP) e tromboplastina parcial ativada (TTPa) dos grupos avaliados. Na analise quantitativa das plaquetas a contagem das plaquetas no grupo (-)-BOR/βCD se aproximam aos valores do grupo controle. Nos animais tratados com ISO, observou-se que houve um aumento dos níveis de glicose e de transaminase glutâmico oxalacética resposta semelhante foi observado no grupo tratado com o complexo (-)-BOR/βBC. No estudo para detecção de marcadores bioquímicos mais específicos e sensíveis para o diagnóstico de lesão isquêmica do miocárdio, foi detectada uma elevação dos níveis de troponina T no grupo ISO, e esta elevação foi revertida parcialmente nos animais que receberam o pré-tratamento com (-)- BOR/βBC. Na análise histopalógica do músculo cardíaco, observou-se uma diminuição das alterações histológicas promovidas pelo ISO, nos animais pré-tratados com o complexo (-)-BOR/βBC, sugerindo uma atividade cardioprotetora do complexo de inclusão. Em estudo por docagem molecular, percebeu-se uma interação do (-)-BOR com o complexo NFkB e o fator de necrose tumoral-α (TNF-α), além disso nos animais tratados com ISO observou-se um aumento nos níveis de mediadores inflamatórios, TNF-α, interleucina-6 (IL-6) e interleucina 1 beta (IL-1 β) que foram atenuados após a administração do complexo de inclusão (-)-BOR/βCD. Em conclusão podemos sugerir que ocorreu a formação do complexo (-)-BOR/βCD de maneira eficiente, e que a dose de 100 mg/kg do complexo (-)-BOR/βCD demonstrou um perfil de ação semelhante ao observado no grupo controle na análise quantitativa das plaquetas. Adicinalmente demonstramos que o pré-tratamento com o complexo de inclusão (-)-BOR/βCD foi eficaz na atenuação do IAM induzido por ISO, esse efeito cardioprotetor provavelmente é devido as propiedades anti-inflamatórias demonstrada pelo complexo de inclusão (-)-BOR/βCD).


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2617696 - ALDEIDIA PEREIRA DE OLIVEIRA
Interno - 1750086 - DANIEL FERNANDO PEREIRA VASCONCELOS
Externo ao Programa - 2339084 - JOAO PAULO JACOB SABINO
Externo à Instituição - MÁRCIO ROBERTO VIANA DOS SANTOS - UFS
Interno - 423551 - RITA DE CASSIA MENESES OLIVEIRA
Notícia cadastrada em: 20/04/2021 15:43
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.instancia1 25/09/2022 05:15