Notícias

Banca de DEFESA: VALECIA NATALIA CARVALHO DA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: VALECIA NATALIA CARVALHO DA SILVA
DATA: 03/04/2017
HORA: 08:30
LOCAL: Sala de Reuniões do Campus Ministro Reis Velloso, UFPI.
TÍTULO: IMAGINAR O ATO MOTOR RECRUTA MAIS O CÓRTEX PRÉ-FRONTAL DORSOLATERAL DO QUE A PRÓPRIA EXECUÇÃO DO MOVIMENTO.
PALAVRAS-CHAVES: Imagética Motora, Córtex Pré-Frontal, Banda Beta, Eletroencefalograma.
PÁGINAS: 52
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Educação Física
RESUMO:

A Imagética Motora consiste na habilidade de gerar processos cognitivos de percepção e ação na ausência do movimento, conceito este muito estudado no âmbito da reabilitação e desempenho motor. Muitos estudos reforçam a ativação de áreas corticais responsáveis pela memória de trabalho, planejamento e execução motora, mas há ainda muitas lacunas quanto à eficácia deste conceito frente a um ato motor.  Dessa forma, deste trabalho visou compreender o comportamento cortical e atividade espectral da banda beta durante a realização de tarefas relacionadas ou não ao ato motor. Para isso, Vinte homens hígidos, idade 20 ± 1,5 anos, destros segundo o questionário de Oldfield, capacidade de imagética visual 22 ± 4 e imagética cinestésica 20 ± 4,5 segundo o Revised Movement Imagery Questionnaire participaram de um estudo experimental com delineamento cross-over onde o participante poderia iniciar com um protocolo de tratamento cognitiva (Imagética Motora) relacionado ao Ato Motor, uma diagonal de Facilitação Neuromuscular Proprioceptiva (FNP). Um dia antes do experimento foi realizada uma familiarização das condições utilizadas no experimento e das escalas de Humor a serem aplicadas nos dois dias consecutivos. Os resultados mostraram diferença estatisticamente significante (p = 0,0001) entre os tratamentos de Imagética Motora e FNP nas derivações eletroencefalográficas do Córtex Pré-Frontal Dorsolateral Esquerdo e Direito (F3 e F4) e diferença estatisticamente signifitiva entre os momentos antes e depois do tratamento para o estado de fadiga e vigor do participante. Foi observado um recrutamento superior no tratamento de Imagética Motora do Córtex Pré-Frontal Dorsolateral do que no tratamento do Ato Motor (FNP). Dessa forma, a Imagética Motora é uma estratégia eficaz de tratamento, pois possui um potencial para a indução de neuroplastidade em uma área de integração sensório-motora permitindo melhora da cognição e do controle motor como também do desempenho motor.


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 1734768 - CLAUDIO ANGELO VENTURA
Externo ao Programa - 2009986 - GILDARIO DIAS LIMA
Interno - 2092495 - SILMAR SILVA TEIXEIRA
Presidente - 1761994 - VICTOR HUGO DO VALE BASTOS
Notícia cadastrada em: 28/03/2017 10:09
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 29/09/2022 07:26