Notícias

Banca de DEFESA: INGRID ALVES DIAS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: INGRID ALVES DIAS
DATA: 15/01/2021
HORA: 14:30
LOCAL: Videoconferencia
TÍTULO: EFEITOS DA ESTIMULAÇÃO TRANSCRANIANA POR CORRENTE CONTÍNUA NA VARIABILIDADE DA FREQUÊNCIA CARDÍACA: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA
PALAVRAS-CHAVES: Sistema nervoso autônomo; variabilidade da frequência cardíaca; ETCC.
PÁGINAS: 56
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Medicina
RESUMO:

Introdução: existem evidências de que os parâmetros alterados da variabilidade da frequência cardíaca (VFC) estão associados a diferentes distúrbios clínicos. Por exemplo, a atividade parassimpática diminuída tem sido explorada como um potencial biomarcador para algumas condições de dor crônica. Considerando a interação dinâmica entre cérebro e coração, estratégias neuromodulatórias direcionadas a essa relação podem exercer uma influência positiva no sistema autonômico cardíaco. A estimulação por corrente contínua transcraniana (ETCC) é uma técnica de neuromodulação não invasiva que vem apresentando avanços recentes no tratamento de vários distúrbios clínicos. No entanto, as evidências sobre a aplicação da ETCC com foco na interação cérebro-coração ainda são controversas. Objetivo: revisar sistematicamente os efeitos da estimulação transcraniana por corrente contínua na modulação da frequência cardíaca indexada por parâmetros de variabilidade da frequência cardíaca em indivíduos saudáveis e com distúrbios clínicos. Métodos: foram considerados estudos que incluíam os efeitos da estimulação transcraniana por corrente contínua (ETCC) na variabilidade da frequência cardíaca (VFC) em participantes saudáveis ou com distúrbios clínicos. A revisão seguiu as recomendações da metodologia de revisão sistemática do Instituto Joanna Briggs (Joanna Briggs Institute – JBI). As seguintes fontes foram pesquisadas: PubMed, Embase, CINAHL, Web of Science, PsycNET, Registro de Ensaios Controlados Cochrane (CENTRAL), além de várias fontes de literatura cinzenta. A recuperação de estudos em texto completo, avaliação da qualidade metodológica e extração de dados foi realizada de forma independente por dois revisores. Os dados não foram agrupados em meta-análise estatística devido à alta heterogeneidade metodológica dos artigos incluídos. Resultados: um total de 1.341 citações foram identificadas; após a remoção das duplicatas, avaliação de relevância e elegibilidade, 62 estudos foram submetidos à avaliação crítica. Vinte e um preencheram os critérios de qualidade e foram incluídos nesta revisão. Foram realizados quinze estudos em indivíduos saudáveis, um em sedentários, um em fumantes, dois em atletas, um em depressão e um em indivíduos com lesão medular. Os efeitos nos índices no domínio do tempo e da frequência foram descritos de acordo com local de estimulação e parametrização da ETCC. Quinze estudos encontraram uma associação significativa entre ETCC e alterações na VFC, no entanto, em oito estudos foi relatado não haver diferenças significativas quando comparado à condição simulada, controle ou estado basal. Conclusão: os resultados dos estudos incluídos foram mistos e conflitantes, e por questões metodológicas, dificultam conclusões sólidas sobre os efeitos da ETCC na VFC. 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1900252 - BALDOMERO ANTONIO KATO DA SILVA
Externo à Instituição - DANIEL MARTINS PEREIRA - UFMS
Interno - 1551082 - MARCELO COERTJENS
Notícia cadastrada em: 28/12/2020 15:21
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 04/10/2022 11:32