Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: RHAIANA OLIVEIRA DE AVIZ

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: RHAIANA OLIVEIRA DE AVIZ
DATA: 28/06/2024
HORA: 14:00
LOCAL: Núcleo da Pós-graduação do Centro de Ciências Agrárias-CCA/UFPI
TÍTULO: Atributos biológicos e comunidade microbiana do solo e rizosfera de Palma forrageira inoculada com Bacillus e Paenibacillus
PALAVRAS-CHAVES: Biomassa microbiana; Metagenômica; PGPR; Nopalea cochenillifera.
PÁGINAS: 30
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Agronomia
RESUMO:

As rizobactérias promotoras de crescimento de plantas (PGPR) realizam vários processos que favorecem o desenvolvimento das plantas, como produção de fitohormônios, enzimas e compostos antioxidantes que protegem a planta de estresses. As plantas da família Cactaceae também estabelecem associação com essas rizobactérias, entretanto, a inoculação dessas plantas com PGPR específicas pode ser comprometida por bactérias nativas do solo altamente competitivas. A inserção de um novo microrganismo no solo também pode alterar a estrutura da comunidade microbiana. Além disso, fatores de qualidade do solo podem ser afetados quando há mudanças na comunidade microbiana. Na literatura não há registros sobre como a inoculação com PGPR influenciam na qualidade do solo e na comunidade microbiana dessa planta. Portanto, o objetivo dessa pesquisa é avaliar os efeitos da inoculação com PGPR na qualidade do solo e na comunidade bacteriana da rizosfera de duas variedades de palma forrageira (Nopalea cochenillifera), e entender a relação entre a comunidade bacteriana e os atributos biológicos do solo. O delineamento experimental adotado foi inteiramente casualizado (DIC), com três repetições, e em parcelas subsubdivididas (2x3x2). as parcelas foram: coleta de solo rizosférico e não rizosférico em 90 e 270 dias de desenvolvimento da planta. as subparcelas foram: sem inoculação, inoculação com as cepas IPAC-C29 (Bacillus subtilis) e IPAC-C38 (Paenibacillus sp.). As subsubparcelas foram: variedades de palma forrageira Baiana e Doce miúda. Os atributos biológicos analisados foram: Respiração do solo, Carbono orgânico total (TOC), Carbono (MBC) e Nitrogênio (MBN) da biomassa microbiana, Quociente microbiano (Qmic), Atividade da fosfatase ácida, 𝛃-glucosidase. Ainda serão analisados a atividade da urease, arilsulfatase, desidrogenase e a hidrólise de diacetato de fluoresceína. Os dados dos atributos biológicos do solo serão submetidos ao teste de normalidade de Shapiro-Wilk, análise de variância e as médias comparadas pelo teste de Tukey (5% de probabilidade). Além disso, também foi extraído o DNA do solo das amostras coletadas, usando o Power Lyzer Power Soil DNA Isolation Kit (MoBIO Laboratories, Carlsbad, CA, USA). Após a extração, as amostras foram armazenadas a -20°C e enviadas para o sequenciamento no Laboratório de Ecologia Microbiana e Biotecnologia da Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, Ceará. Com o resultado do sequenciamento, será determinada a abundância e a diversidade dos microrganismos. Também será realizada a Análise de Redundância (RDA) para comparar a composição da comunidade bacteriana entre a rizosfera e o solo não rizosférico, e determinar a correlação entre a estrutura da comunidade e as propriedades ambientais do solo. Espera-se ao final dessa pesquisa compreender as mudanças e a dinâmica que ocorre na comunidade microbiana da rizosfera da palma forrageira, e a sua ligação com a saúde do solo.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2476126 - ADEMIR SERGIO FERREIRA DE ARAUJO
Externo ao Programa - 1275725 - ELAINE MARTINS DA COSTA
Interno - 1553560 - FRANCISCO DE ALCANTARA NETO
Interno - 304.804.028-50 - HENRIQUE ANTUNES DE SOUZA - EMBRAPA
Interno - 626.068.833-49 - JADSON EMANUEL LOPES ANTUNES - UFPI
Notícia cadastrada em: 06/06/2024 11:21
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb03.ufpi.br.sigaa 22/07/2024 23:14