Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: LILDES FERREIRA SANTOS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: LILDES FERREIRA SANTOS
DATA: 02/08/2019
HORA: 14:30
LOCAL: Auditório do PPGQ
TÍTULO: ISOPLRENOIDES E ATIVIDADES BIOLÓGICAS DE Luehea divaricata MART. & ZUCC.
PALAVRAS-CHAVES: Malvaceae, Luehea divaricata, Triterpenoides, Atividade antioxidante, Anticolinesterase
PÁGINAS: 17
GRANDE ÁREA: Ciências Exatas e da Terra
ÁREA: Química
SUBÁREA: Química Orgânica
ESPECIALIDADE: Química dos Produtos Naturais
RESUMO:

A investigação fitoquímica do extrato etanólico (EEtOH) das cascas do caule de Luehea divaricata Mart. & Zucc, resultou no isolamento do novo triterpenoide urs-3b,13b,18b-triol como também de outros já conhecidos como betulina, ácido betulínico, betulona, quatro misturas também de triterpernoides (M1 a M4): M1 (friedelina, lupenona, e hop-17(21)-en-3-ona); M2 (lupeol, taraxestorol e hop-17(21)-en-3-ol), M3 (ácido oleanólico e ácido ursólico), M4 (ácidos 3-O-ácetil-oleanólico e 3-O-acetil-ursólico), uma mistura de esteroides M5 (sitosterol e estigmasterol) e o sesquiterpeno 8-hidróxicalameneno. A identificação estrutural dos compostos obtidos foi realizada pela análise espectroscópica de RMN de 1H e 13C uni e bidimensionais e comparação com os dados da literatura. O EEtOH e as frações AcOEt e aquosa mostraram alto potencial antioxidante no ensaio com o DDPH. O extrato e as frações hexânica, AcOEt e aquosa mostraram inibição da acetilcolinesterase.

A investigação fitoquímica do extrato etanólico (EEtOH) das cascas do caule de Luehea divaricata Mart. & Zucc, resultou no isolamento do novo triterpenoide urs-3b,13b,18b-triol como também de outros já conhecidos como betulina, ácido betulínico, betulona, quatro misturas também de triterpernoides (M1 a M4): M1 (friedelina, lupenona, e hop-17(21)-en-3-ona); M2 (lupeol, taraxestorol e hop-17(21)-en-3-ol), M3 (ácido oleanólico e ácido ursólico), M4 (ácidos 3-O-ácetil-oleanólico e 3-O-acetil-ursólico), uma mistura de esteroides M5 (sitosterol e estigmasterol) e o sesquiterpeno 8-hidróxicalameneno. A identificação estrutural dos compostos obtidos foi realizada pela análise espectroscópica de RMN de 1H e 13C uni e bidimensionais e comparação com os dados da literatura. O EEtOH e as frações AcOEt e aquosa mostraram alto potencial antioxidante no ensaio com o DDPH. O extrato e as frações hexânica, AcOEt e aquosa mostraram inibição da acetilcolinesterase.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1167592 - MARIANA HELENA CHAVES
Interno - 1888044 - GERARDO MAGELA VIEIRA JUNIOR
Interno - 1210376 - SAMYA DANIELLE LIMA DE FREITAS
Interno - 1549302 - SIDNEY GONCALO DE LIMA
Notícia cadastrada em: 28/04/2020 12:14
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.sigaa 02/03/2024 09:47