Notícias

Banca de DEFESA: MONARA KEDMA GOMES NUNES

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MONARA KEDMA GOMES NUNES
DATA: 31/03/2017
HORA: 08:00
LOCAL: Sala de Reuniões do Campus Ministro Reis Velloso, UFPI
TÍTULO: Atividade diferencial de teta e alfa frontal durante atividades cognitivas relacionadas ou não com o ato motor
PALAVRAS-CHAVES: Eletroencefalografia, cognição, imagética motora, alfa, teta.
PÁGINAS: 64
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Educação Física
RESUMO:

Oscilações eletroencefalográficas nas bandas alfa e teta refletem desempenho cognitivo e memória em tarefas cognitivas. Entretanto, o comportamento diferencial do espectro dessas duas bandas em tarefas cognitivas relacionadas ou não ao ato motor ainda não está bem esclarecido. Isto motivou a realização deste trabalho que visa compreender o comportamento espectral da banda alfa e teta frontal durante a realização de tarefas cognitivas relacionadas ou não ao ato motor, bem como a percepção de esforço mental necessário para a realização das tarefas. Para isso, Vinte e dois homens hígidos, idade 20,7 ± 1,6 anos, destros segundo o questionário de Oldfield, capacidade de imagética visual 22 ± 4 e imagética cinestésica 20,3 ±4,6 segundo o Revised Movement Imagery Questionnaire participaram de um estudo experimental com delineamento cross-over onde o participante poderia iniciar com um protocolo de tarefa cognitiva relacionada ao ato motor (imagética motora) ou um protocolo de tarefa cognitiva não relacionada com o ato motor (Rapid Visual Information Processing). Um dia antes do experimento foi realizada uma familiarização das tarefas utilizadas no experimento e das escalas a serem aplicadas. Os resultados mostraram diferença estatisticamente significante entre a tarefa cognitiva relacionada ao ato motor versus tarefa cognitiva não relacionada ao ato motor em todas as derivações eletroencefalográficas correspondentes ao córtex frontal. Além disso, não foi observada diferença estatisticamente significante na percepção de esforço mental para a realização das duas tarefas cognitivas, apesar de ter sido observado uma diferença significante dos valores de fadiga e vigor entre os momentos antes e após as duas tarefas cognitivas. O estudo constatou uma dinâmica de neuromodulação cortical onde uma mesma área facilita e inibe estruturas a fim de atingir metas e objetivos onde a tarefa de Imagética Motora demanda mais dos recursos cognitivos da área pré-frontal que a tarefa de Rapid Visual Information Processing. Estas são informações valiosas sobre o desempenho cognitivo e suas correlações com a potência absoluta de alfa e teta bem como com a percepção de esforço mental para a execução de diferentes tarefas cognitivas.


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 813.749.097-34 - ALAIR PEDRO RIBEIRO DE SOUZA E SILVA - UFRJ
Interno - 2092495 - SILMAR SILVA TEIXEIRA
Presidente - 1761994 - VICTOR HUGO DO VALE BASTOS
Notícia cadastrada em: 20/03/2017 16:33
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb03.ufpi.br.sigaa 30/11/2022 08:41