Notícias

Banca de DEFESA: DAVID DI LENARDO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: DAVID DI LENARDO
DATA: 06/02/2018
HORA: 14:00
LOCAL: Sala de Reuniões do Campus Ministro Reis Velloso
TÍTULO: AVALIAÇÃO DAS ALTERAÇÕES URINÁRIAS E RENAIS NA PERIODONTITE INDUZIDA EM RATOS
PALAVRAS-CHAVES: doença periodontal, estruvita, inflamação, nefropatias, reabsorção óssea
PÁGINAS: 63
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Medicina
RESUMO:

A periodontite é uma doença inflamatória e crônica do periodonto, sendo causada pela atividade bacteriana presente na região do sulco gengival, responsável por provocar danos teciduais e reabsorção do osso alveolar. Esses danos são provocados pela ação do próprio organismo através da liberação de inúmeros fatores inflamatórios. A doença pode também provocar efeitos sistêmicos, dentre eles, alterações na estrutura renal. A liberação de citocinas provoca o aumento do estresse oxidativo nos rins, causando: alterações nas estruturais e congestão glomerular. Este estudo tem como objetivo analisar as alterações renais e funcionais do sistema urinário, bem como, mensurar os cristais na urina de ratas com periodontite induzida com progressão por 20 e 40 dias. Foram utilizadas 24 ratas sendo divididas em três grupos de oito animais cada: Grupo Controle composto por animais sem periodontite induzida, P20 e P40 compostos por animais com periodontite induzida e eutanasiados após vinte dias e quarenta dias respectivamente. As ratas foram submetidas às análises clínicas como: índice de profundidade da bolsa, índice de sangramento gengival, mensuração da altura óssea alveolar e mobilidade dentária. Além disso, foram feitas análises histomorfométricas dos corpúsculos renais e mensuração do sedimento urinário. Foi realizado também, dosagens em amostras séricas e urinárias de creatinina, ureia e ácido úrico, assim como: da glutationa reduzida, malondialdeído, dos tecidos renais, e mieloperoxidase da gengiva. Os resultados clínicos mostraram que o modelo utilizado para induzir a periodontite foi efetivo. Observaram-se alterações histomorfológicas nas estruturas dos corpúsculos renais dos animais com periodontite. Os resultados dos marcadores de função renal não apresentaram mudanças significativas entre os grupos. Com relação à análise do sedimento urinário, o número de cristais foi aumentado nos grupos periodontite e a área dessas estruturas aumentou significativamente no grupo P40. O intuito deste trabalho é complementar os achados de alterações renais provocado pela periodontite e melhor entender o mecanismo que atua em tais mudanças.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1750086 - DANIEL FERNANDO PEREIRA VASCONCELOS
Externo ao Programa - 1979277 - KARINA OLIVEIRA DRUMOND
Externo ao Programa - 3375434 - MANOEL DIAS DE SOUZA FILHO
Notícia cadastrada em: 10/01/2018 12:17
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 30/11/2022 07:15