Notícias

Banca de DEFESA: GLEISON LIMA DA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: GLEISON LIMA DA SILVA
DATA: 26/03/2021
HORA: 14:30
LOCAL: Defesa online-Resolução 015/2020 CONSUN - https://meet.google.com/rqg-ojpa-wuu
TÍTULO: O ENSINO DE FILOSOFIA NA PERSPECTIVA DELEUZIANA: uma possibilidade interventiva para o Ensino Médio
PALAVRAS-CHAVES: Ensino; Filosofia; Conceito; Criação; Deleuze.
PÁGINAS: 83
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Filosofia
RESUMO:

A presente dissertação, desenvolvida no âmbito do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Federal do Piauí (UFPI), analisa o ensino de Filosofia sob a perspectiva deleuziana enquanto possibilidade interventiva para o Ensino Médio, uma vez que ao pensar as linhas e o percurso histórico do ensino de filosofia no Brasil, nesse âmbito, é possível perceber inúmeros paradoxos e tensões curriculares, que não favorecem o ensino desta disciplina como força capaz de afetar o discente na criação de seus próprios conceitos, impedindo, assim, que essa atividade venha a se tornar um exercício verdadeiramente filosófico. Frente a isso, o presente estudo tem como objetivo geral problematizar a prática docente dos professores de filosofia de duas escolas de Ensino Médio da rede pública estadual, localizadas no município de Castelo do Piauí-PI, tomando por base a dinâmica de trabalho com a disciplina de filosofia em sala de aula. Trata-se de uma proposta de intervenção filosófica que sugere a ressignificação das aulas focadas na mera transmissão de conteúdos, apresentando a concepção Deleuziana como uma possibilidade que, buscando associar os conteúdos do Ensino Médio com os saberes filosóficos dentro de uma perspectiva ontológica, pode vir a contribuir para a construção de novos conceitos na escola e na comunidade. A presente pesquisa utiliza-se do percurso metodológico cartográfico como alternativa de abordagem e intervenção; por tratar-se de um procedimento que acompanha processos ocorridos num determinado território existencial em que a realidade é tomada sob a perspectiva da multiplicidade, é aberto, flexível e coerente com a perspectiva filosófica adotada nesta dissertação. A partir dessa constatação, buscam-se fundamentos teóricos, à luz dos filósofos franceses Gilles Deleuze e Félix Guattari, bem como em alguns de seus principais comentadores, tais como Cerletti (2009), Gallo (2012) e Kohan (2000), dentre outros.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1446976 - JOSE RENATO DE ARAUJO SOUSA
Interno - 1550705 - LUIZIR DE OLIVEIRA
Externo à Instituição - GUILHERME PAIVA DE CARVALHO - UERN
Notícia cadastrada em: 26/03/2021 13:52
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 01/10/2022 18:14