Notícias

Banca de DEFESA: ISAAC SABINO CARDOSO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ISAAC SABINO CARDOSO
DATA: 24/02/2024
HORA: 16:00
LOCAL: Banca na modalidade remota - https://meet.google.com/abs-ooix-qqr
TÍTULO: O problema das contradições filosóficas nos debates dos jovens secundaristas: uma saída pelo uso de ambientes virtuais criados a partir de Lévi e outros Filósofos das Tecnologias
PALAVRAS-CHAVES: Filosofia; Guedes; Ideias Contrárias; Pierre Lévi; Santaella; Tecnologias.
PÁGINAS: 105
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Filosofia
SUBÁREA: Lógica
RESUMO:

A presente dissertação é procedente da inquietação docente acerca de uma mistura de ideias contrárias encontradas nas dissertações e debates dos alunos do Ensino Médio e, após alguns anos de tentativas metodológicas para sanar essa deficiência, é que se descobriu que ela é de ausência de hábito de leitura. Mas, é só com o advento da internet, que surge uma possibilidade de intervenção com a criação de um Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) usando as Tecnologias da Inteligência e Comunicação (TIC) contemporâneas. Nisso, a problemática é a busca em responder à pergunta: como usar as tecnologias atuais de forma a dar coerência filosófica às dissertações e debates dos jovens? Como o trabalho tem pretensões para uso num ano letivo inteiro, vale citar em capítulo próprio, de forma superficial, a leitura de Filósofos da antiguidade, do século XIX e contemporâneos que podem ser trabalhados com os alunos para mostrar as oposições filosóficas, contudo, reforçase que, visto como saída para o problema do hábito de leitura, optou-se por criar um ambiente usando como referenciais tecnofilósofos como Lúcia Santaella (2004 e 2021), Gildásio Guedes (2008) e Pierre Lévy (1999, 2010 e 2011) para, como objetivo geral, usar as diversas tecnologias de forma a dar coerência filosófica às dissertações e debates dos jovens. Como objetivos específicos, buscar-se-á apresentar um AVA que incentive a discussão consciente e que induza a escrita dissertativa coerente; apresentar, de forma breve, Filósofos diversos que se contrapõem; por fim, nomear e descrever essa mistura de ideias contrárias como “ecletismo de ideias”, isso porque, num ano em que se observou com mais atenção às leituras e argumentos no Ensino de Filosofia no Ensino Médio, atestou-se uma vontade dos garotos em quererem uma intersecção entre temas que são contrários, e que, num olhar superficial, pode ser por conta do pluralismo e multiculturalismo brasileiro, e bem por conta disso é que se observou uma recusa ao debate para defender uma ou outra tese. Como futura intervenção, pretende-se avaliar a proposta por meio de textos e atividades via formulários eletrônicos, distribuídos em mensageiros instantâneos. O objetivo é ampliar o repertório cultural e filosófico dos jovens, incentivando o diálogo, desenvolvendo habilidades de leitura, escrita e argumentação para reconhecer e superar incoerências na realidade.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 422692 - GILDASIO GUEDES FERNANDES
Interno - 1167735 - ELNORA MARIA GONDIM MACHADO LIMA
Externo ao Programa - 905801 - GERSON ALBUQUERQUE DE ARAUJO NETO
Notícia cadastrada em: 24/01/2024 09:18
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 23/06/2024 03:01