Notícias

Banca de DEFESA: MARCOS ANTONIO ANGELO DA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MARCOS ANTONIO ANGELO DA SILVA
DATA: 25/02/2022
HORA: 08:00
LOCAL: AMBIENTE VIRTUAL
TÍTULO: HOMENS GAYS EM PROCESSO DE ENVELHECIMENTO: produções de sentido a partir do perfil de usuários do Grindr em Teresina-Piauí
PALAVRAS-CHAVES: Processos de Envelhecimento. Gay. Sociabilidades. Grindr. Internet.
PÁGINAS: 127
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Sociologia
RESUMO:

A expansão da tecnologia alcançou proporções inimagináveis tanto para seus usuários, como para seus criadores, o algoritmo domina nossas vidas e dita as regras de sociabilidade nos campos online e off-line. Assim, esta pesquisa apresenta a trama atual que esboça a sociedade digital em que vivemos, entrelaçando e (re) desenhando conceitos, experiências e vivências de homens gays que utilizam plataformas digitais na busca por amores, amizade e sexo, sejam eles virtuais ou reais. Diante de tal cenário, precisamos refletir sobre os limites e vantagens que as tecnologias causam em nossas vidas, dessa forma vislumbramos como objetivo geral desta pesquisa: analisar os sentidos atribuídos pelos interlocutores quanto ao processo de envelhecimento que os atravessam quando da utilização de ferramentas digitais na busca por parceiros; e como específicos, compreender como se constrói o entendimento e noção de envelhecimento por parte dos interlocutores, considerando os diferentes fatores que envolvem a construção do conceito de envelhecer no contexto virtual; analisar as dinâmicas e configurações de poder envolvidas nas interações sociais realizadas virtualmente no Grindr; e identificar os principais aspectos que contribuem para o entendimento do que é ser gay nas plataformas digitais e quais implicações essas performances geram nas interações online e off-line. O presente trabalho, propõe discussões que envolvem neste sentido, reflexões sobre as relações de poder envolvidas nas interações virtuais, as configurações atuais sobre o entendimento e sentido dos processos de envelhecimento neste mundo tão veloz, onde o efêmero e o líquido são condições para se estar atualizado, e ainda sobre sexualidade dentro das plataformas virtuais, tão cheias de exigências e requisitos para se conseguir alguém, mesmo que para apenas uma conversa ou amizade virtual. Para compreendermos as questões aqui levantadas utilizo-me do pensamento de nomes como Bauman (2007/2011), Foucault (1987/1988), Goldenberg (2014), Miskolci (2017), Sibilia (2008) e outros dão suporte na construção dos fios que emaranham esta rede que buscamos decifrar. O campo de pesquisa é o Grindr, onde criei um perfil público e aberto com o intuito de selecionar os possíveis participantes da pesquisa, no chat do próprio aplicativo desenvolvi conversas com usuários do aplicativo onde foram expostas angustias, frustações e expectativas relacionadas quando da utilização do mesmo. O Grindr como ferramenta tecnológica de sociabilidade proporciona uma maior possibilidade de interação entre sujeitos de diferentes culturas, regiões e condições diferentes, para além destas facilidades, oportuniza ainda a disseminação de práticas preconceituosas, recriando no ambiente virtual situações enfrentadas por muitos homens gays na sua vida real. Assim, os sentidos construídos por estes indivíduos sobre seus processos de envelhecimento não me permitem concluir de forma precisa quais aspectos e similitudes envolvem a construção do que é envelhecer no contexto virtual, pois cada indivíduo tem um processo específico que o envolve e faz viver experiências únicas sobre envelhecimento, poder, sexualidade e o uso de mídias digitais, que podem por vezes ter um sentido próprio para o sujeito e não atingir com a mesma sensibilidade outro indivíduo. É inapropriado portanto, que se conclua com base em uma única pesquisa um processo que todo dia tem novas variáveis, envolve outras categorias, e abrange uma infinidade de situações, experiências e vivencias tão singulares e intimas.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1167589 - FRANCISCO DE OLIVEIRA BARROS JUNIOR
Interno - 4221710 - MARIA ROSANGELA DE SOUZA
Externo ao Programa - 423559 - SOLIMAR OLIVEIRA LIMA
Notícia cadastrada em: 08/02/2022 20:10
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 07/10/2022 14:01