Notícias

Banca de DEFESA: KASSIO VIEIRA MACEDO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: KASSIO VIEIRA MACEDO
DATA: 18/03/2016
HORA: 09:00
LOCAL: Auditório do curso de Odontologia - Bloco 10
TÍTULO:

QUALIDADE DE VIDA DE PACIENTES COM DEFORMIDADES DENTOFACIAIS SUBMETIDOS A CIRURGIA ORTOGNÁTICA


PALAVRAS-CHAVES:

Qualidade de vida, Deformidades dentofaciais, Cirurgia ortognática.


PÁGINAS: 96
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Odontologia
SUBÁREA: Clínica Odontológica
RESUMO:

A cirurgia ortognática se torna uma demanda crescente no Brasil. Deformidades faciais e problemas esqueléticos causam distúrbios às funções fisiológicas e levam muitos pacientes a buscar tal tratamento, que acarreta mudanças importantes na qualidade de vida. Este estudo observacional longitudinal mensurou o tamanho do efeito, e comparou a qualidade de vida antes e após a cirurgia ortognática com os seguintes fatores: sexo, idade, renda, escolaridade, queixa principal, tipo de deformidade, tipo de cirurgia e grau de satisfação com o aspecto facial pós-operatório. Foram aplicados um formulário de identificação e sócio-demográfico e o Brazilian Orthognathic Quality of Life Questionnaire a 17 pacientes atendidos em um consultório odontológico particular, uma semana antes e 6 semanas após a cirurgia. A amostra foi calculada através da prevalência de impacto. Foi realizada análise descritiva através do software GraphPad Prism (GraphPad Software) e o teste de Correlação de Sperman aplicado em nível de significância de 0,01. A maior parte (76,47%) se declarou muito satisfeita com o resultado do procedimento. O tamanho do efeito calculado com o escore total do questionário foi de 1,57. Foram encontradas correlações significativas no pré-operatório entre o domínio social e a satisfação com a estética facial e entre conscientização da deformidade e tipo de deformidade; no pós-operatório, entre o domínio estética facial e o tipo de deformidade e entre a função oral e o sexo e satisfação com a aparência facial. A cirurgia ortognática tem impacto positivo especialmente sobre a satisfação com a aparência facial, podendo estar condicionado ao tipo de deformidade.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 3316201 - CARMEN MILENA RODRIGUES SIQUEIRA CARVALHO
Externo à Instituição - MARCELO BRENO MENESES MENDES - NENHUMA
Presidente - 1300913 - MARIA CANDIDA DE ALMEIDA LOPES
Interno - 1167676 - SIMONE SOUSA LOBAO VERAS BARROS
Notícia cadastrada em: 29/02/2016 09:53
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.instancia1 24/09/2022 23:00