Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: CAROLINA VELOSO LIMA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: CAROLINA VELOSO LIMA
DATA: 05/12/2012
HORA: 08:00
LOCAL: Sala de Aulas do PPGB
TÍTULO:

Ingestão de Flúor por Crianças em Região Tropical


PALAVRAS-CHAVES:

Fluoreto, Fluoretação, Dentifrício


PÁGINAS: 25
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Odontologia
SUBÁREA: Odontologia Social e Preventiva
RESUMO:

Para contemplar o bin�?mio risco (evitar a fluorose dentária) e benefício (prevenir a cárie dentária) é necessário que a concentração de flúor na água seja mantida em níveis ótimos.Essa concentração tem sido calculada com base nas médias das temperaturas máximas,estabelecidas para países temperados, e em regiões tropicais frequentemente as temperaturas máximas situam-se acima do limite máximo proposto. Este estudo tem por objetivo determinar a ingestão total diária de flúor, através da dieta e dentifrício fluoretado, em crianças residentes em uma cidade de clima tropical. O presente estudo foi delineado como transversal. Serão selecionadas 70 crianças com idade de entre 30 a 48 meses, residentes de Teresina-Piauí, Brasil, município com água fluoretada ajustada a 0,7 ppm (variação de 0,6 a 0,8 ppm) de acordo com a legislação brasileira, e que frequentam creche pública no período de 7:00 às 17:00 horas. Esta faixa etária foi escolhida considerando o período crítico para o desenvolvimento de fluorose dentária esteticamente indesejável em dentes permanentes anteriores. A ingestão de fluoreto da dieta será monitorada pelo método de dieta duplicada (líquidos e sólidos), durante três dias, sendo dois dias na semana e um no final de semana. O flúor ingerido a partir do dentifrício será determinado subtraindo a quantidade de fluoreto recuperado após a escovação do montante inicialmente colocado na escova de dente da criança. As análises de flúor serão realizadas utilizando um eletrodo de flúor íon-específico. A análise estatística será realizada através das médias, desvios-padrão (DP) e intervalos de confiança de 95% serão determinados para todos os dados. O Teste de Fischer será utilizado para verificar equivalência de variâncias, e o Teste de Turkey será utilizado para comparar as doses alimentares de flúor entre os três dias de coleta, bem como os dados da amostra (idade, peso, frequência de escovação, quantidade de dentifrício utilizado e ingerido, doses de flúor da dieta, dentifrício e total). A correlação de Pearson entre a dose de flúor a partir do dentifrício e do total, dentifrício e dieta, idade da criança, peso, frequência de escovação dentária, quantidade de dentifrício usado e ingerido também serão determinadas. Estas análises serão realizadas pelo Statistical Package for the Social Sciences (SPSS) versão 18.0. Este p rojeto será submetido à Plataforma Brasil, para avaliação e autorização de sua realização, de acordo com a Resolução nº 196/96 e com a Declaração de Helsinque. Os responsáveis das crianças que participarem do estudo terão que assinar um Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE).


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - JAIME APARECIDO CURY - UNICAMP
Presidente - 1301059 - MARCOELI SILVA DE MOURA
Interno - 1790736 - MARINA DE DEUS MOURA DE LIMA
Interno - 1167674 - RAIMUNDO ROSENDO PRADO JUNIOR
Notícia cadastrada em: 22/11/2012 23:19
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 06/10/2022 18:15