Notícias

Banca de DEFESA: ISADORA MELLO VILARINHO SOARES

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ISADORA MELLO VILARINHO SOARES
DATA: 15/01/2015
HORA: 14:30
LOCAL: AUDITÓRIO DA ODONTOLOGIA - CCS
TÍTULO:

Reparo ósseo em tíbia de ratos após implante de células tronco da polpa dentária humana e Aloe vera


PALAVRAS-CHAVES:

Regeneração óssea; Células tronco; Dente decíduo; Medicamentos fitoterápicos


PÁGINAS: 68
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Odontologia
RESUMO:

Avaliou-se o reparo ósseo em defeitos confeccionados em tíbia de ratos após implante de esponja de colágeno com células tronco da polpa de dente permanente humano (hCTDPs) e Aloe vera. Foi determinada a viabilidade e capacidade de proliferação das CTs na presença de Aloe vera 8%. Na experimentação in vivo, 75 animais foram divididos em cinco grupos: controle, Hemospon®, Hemospon® em meio enriquecido com Aloe vera 8%, Hemospon® em meio contendo hCTPDs e Hempospon® em meio enriquecido com Aloe vera 8% e hCTPDs. Nos tempos 7, 15 e 30 dias, os animais foram eutanasiados e a tíbia foi dissecada para análise histológica e imunohistoquímica. Teste ANOVA comparou o comportamento celular na presença ou não de Aloe vera e teste Kruskal-Wallis comparou os achados histológicos e imunohistoquímica. Observou-se viabilidade e alto potencial de proliferativo das células na presença de Aloe vera (p=0,485). Nos períodos 7 e 15 dias, os grupos que apresentavam Aloe vera obtiveram menor média quanto ao infiltrado inflamatório agudo, em relação aos grupos controle e Hemospon® (p<0,05). Não houve diferença estatisticamente significativa entre os grupos em relação à neoformação óssea. Entretanto, observou-se no grupo tratado com Hemospon®, Aloe vera e hCTPDs, já no tempo inicial sete dias, neoformação óssea intensa associada a leve inflamação. A expressão de osteopontina corroborou com a intensidade da neoformação óssea. Os resultados sugerem que Hemospon®, Aloe vera e hCTPDs é um protocolo clínico promissor para reparo de defeitos ósseos não-críticos por acelerar o processo de reparo e reduzir os efeitos da cascata inflamatória. 



MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 3316201 - CARMEN MILENA RODRIGUES SIQUEIRA CARVALHO
Interno - 1167676 - SIMONE SOUSA LOBAO VERAS BARROS
Interno - 423481 - WALTER LEAL DE MOURA
Externo ao Programa - 1691866 - NAPOLEAO MARTINS ARGOLO NETO
Notícia cadastrada em: 06/01/2015 08:50
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.instancia1 24/09/2022 12:31