Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: ERIKA WANESSA OLIVEIRA FURTADO ANDRADE

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ERIKA WANESSA OLIVEIRA FURTADO ANDRADE
DATA: 06/07/2015
HORA: 15:00
LOCAL: Sala de Reunião do PPGEnf
TÍTULO:

AS ESTRATÉGIAS DE ENSINO - APRENDIZAGEM DA GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM


PALAVRAS-CHAVES:

Estratégias de Ensino; Enfermagem; Docente


PÁGINAS: 80
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Enfermagem
RESUMO:

As Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) contemplam o

redirecionamento das metodologias de ensino, nas quais deverão implementar

estratégias de ensino e aprendizagem, com uma nova percepção sobre a

formação dos profissionais de enfermagem. De acordo com as DCENF, essas

mudanças serão possíveis com a utilização de estratégias de ensino, que

estimule no discente o comprometimento com o seu aprendizado e a

construção de saberes que permita uma aproximação crítica com a realidade,

na qual o professor será apenas um facilitador deste processo. Assim,

definiram-se como objetivos desse estudo: Descrever as estratégias de ensino-

aprendizagem utilizadas no curso de graduação em enfermagem da

Universidade Federal do Piauí; Discutir as estratégias de ensino-aprendizagem

utilizadas no curso de graduação em enfermagem quanto à sua adequação às

diretrizes curriculares e Identificar as potencialidades e dificuldades na

utilização das estratégias de ensino. Trata-se de uma pesquisa descritivo-

exploratória, com abordagem qualitativa. O cenário foi curso de enfermagem da

Universidade Federal do Piauí (UFPI) e os participantes da pesquisa foram 12

docentes do curso de bacharelado em enfermagem. Para produção de dados

foi utilizado a técnica de entrevista com a aplicação de um roteiro semi-

estruturado. Os dados foram analisados pela análise temática de Minayo, o que

possibilitou a formação de três categorias: Estratégias utilizadas no

Processo Ensino – Aprendizagem: na análise dos discursos dos docentes da

UFPI constata-se a utilização de estratégias tradicionais e ativas, e que os

mesmos percebem que as suas atividades em sala de aula ainda existe uma

maior aproximação com estratégias tradicionais, com destaque para exposição

oral e seminário. Dentre as estratégias ativas utilizadas destaque-se a

Problematização. O professor e as dificuldades enfrentadas na utilização

das estratégias preconizadas pelas diretrizes: os docentes pontuaram as

dificuldades enfrentadas para atender as diretrizes, como a formação

tradicional que receberam, a matriz curricular do curso e a resistência a

mudanças por parte dos alunos. Iniciativas para a mudança:

potencialidades: percebe-se nos discursos uma consciência da importância

da mudança, assim como o desejo de superar as metodologias tradicionais

com iniciativas como cursos de capacitação e de estudos sobre a temática, a

construção e o conhecimento do projeto pedagógico, o conhecimento da

DCNenf e a mobilização para a utilização de estratégias ativas, permeando as

estratégias tradicionais. Conclui-se que existe uma aproximação com as

estratégias tradicionais pelos os docentes do curso de bacharelado em

enfermagem da UFPI, mas que é presente o desejo de mudança e o

reconhecimento da importância das estratégias ativas para o aperfeiçoamento

do processo ensino-aprendizagem. É evidente ainda nos discursos a

conscientização dos docentes acerca das diretrizes curriculares, a importância

da utilização de estratégias ativas, assim como a mobilização dos docentes

para a efetivação dessas estratégias.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 2334938 - ANA MARIA RIBEIRO DOS SANTOS
Presidente - 6422772 - BENEVINA MARIA VILAR TEIXEIRA NUNES
Externo à Instituição - CAMILA APARECIDA PINHEIRO LANDIM - UNINOVAFAPI
Interno - 1167659 - SILVANA SANTIAGO DA ROCHA
Notícia cadastrada em: 19/06/2015 10:00
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.instancia1 02/10/2022 23:46