Notícias

Banca de QUALIFICAÇÃO: JOYCE SOARES E SILVA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JOYCE SOARES E SILVA
DATA: 28/09/2020
HORA: 14:30
LOCAL: Remotamente
TÍTULO: VALIDAÇÃO DO CUESTIONÁRIO PARA DETECCIÓN DEL SÍNDROME DEL EDIFÍCIO ENFERMO PARA TRABALHADORES DE SAÚDE DO BRASIL
PALAVRAS-CHAVES: Síndrome do Edifício Doente; Pessoal de saúde; Estudo de validação; Inquéritos e Questionários
PÁGINAS: 125
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Enfermagem
RESUMO:

Introdução: A Enfermagem no contexto social brasileiro tem colaborado para a melhoria da saúde e produtividade do trabalhador. Ao notar a dimensão que envolve a saúde do trabalhador, observam-se duas variáveis que se sobressaem sobre as demais: acidentes de trabalho e doenças ocupacionais. As doenças ocupacionais, em especial, apresentam nível de preocupação elevado ao passo que se percebe exposição do trabalhador a agentes biológicos, químicos, problemas ergonômicos, poluição auditiva, poluição do ar, estresse e adoecimento mental, dentre outros. Dessa forma, o adoecimento que um trabalhador apresenta decorrente do ambiente de trabalho, por vezes um grupo também apresenta, essa semelhança caracteriza a Síndrome do Edifício Doente. Objetivo: Realizar validação de conteúdo e de constructo do Cuestionário para Detección del Síndrome del Edifício Enfermero para Trabalhadores de Saúde do contexto brasileiro. Referencial temático: O referencial temático é dividido em três capítulos: Síndrome do Edifício Doente: características e fatores preditores nos trabalhadores de saúde; Sintomatologia da Síndrome do Edifício Doente nos trabalhadores de saúde; e, Intervenções preventivas e terapêuticas da Síndrome do Edifício Doente nas instituições de saúde. Metodologia: Trata-se de um estudo metodológico que consiste na validação do Cuestionário para Detección del Síndrome del Edifício Enfermo para o Brasil, realizado entre setembro de 2019 a julho de 2020. O questionário foi validado por meio de dois eixos: conteúdo e constructo (conceito). Realizado na cidade de Teresina, Piauí, Brasil, e contou com a participação online de 14 juízes especialistas na etapa de validação de conteúdo. No que se refere à validação de constructo do instrumento, foi realizado em um Hospital de Ensino com uma amostra de 54 participantes. O estudo aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Federal do Piauí, sob o parecer de número 4.563.795, em 09 de setembro de 2019. Além disso, obteve parecer favorável sobre o número 75/19 da instituição coparticipante. Resultados: A validação de conteúdo apresentou um índice de validade de conteúdo, gerado pela avaliação dos juízes, de 0,81. Índice Kappa de Fleiss apresentou concordância de 68,59%. Por meio da sugestão dos juízes e índice de validade de conteúdo houve exclusão de três itens do questionário original. Quanto à validação de constructo, a análise fatorial foi realizada considerando uma abordagem conservadora dos itens em relação aos domínios, preservando o questionário original e excluindo o item 56, apenas, devido a comunalidade do fator ser ≤0,30. Para a análise da consistência interna, o alfa de Cronbach após a validação de conteúdo apresentou valor geral igual a 0,972. O valor do alfa geral após análise fatorial, com exclusão do item 56, permaneceu em 0,972. O domínio 1, individualmente apresentou alfa igual a 0,821, domínio 2 igual a 0,989 e domínio 3 igual a 0,923. Conclusão: O questionário conseguiu ser validado quanto ao conteúdo e constructo, entretanto, ainda há necessidade de estudos que envolvam a averiguação dos scores e validade de face do instrumento. 


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1655148 - GRAZIELLE ROBERTA FREITAS DA SILVA
Interno - 1888794 - JOSE WICTO PEREIRA BORGES
Presidente - 2221112 - MARCIA ASTRES FERNANDES
Externo à Instituição - RUTH NATALIA TERESA TURRINI - USP
Notícia cadastrada em: 04/09/2020 15:59
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.instancia1 04/10/2022 04:46