Notícias

Banca de DEFESA: EUKÁLIA PEREIRA DA ROCHA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: EUKÁLIA PEREIRA DA ROCHA
DATA: 28/02/2023
HORA: 14:30
LOCAL: Remotamente
TÍTULO: REPRESENTAÇÕES SOCIAIS ACERCA DA SAÚDE MENTAL DE ENFERMEIROS E MÉDICOS DE NÚCLEOS INTERNOS DE REGULAÇÃO NO CONTEXTO DA COVID-19
PALAVRAS-CHAVES: COVID -19; Representações sociais; Saúde mental; Saúde do trabalhador
PÁGINAS: 78
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Enfermagem
RESUMO:

A pandemia da COVID-19 causada pelo novo coronavírus é um desafio à saúde pública, considerada pela Organização Mundial da Saúde como uma emergência em saúde pública, devido seu alto potencial de transmissibilidade. O crescente número de casos, e a alta demanda por leitos hospitalares têm levado profissionais da saúde a apresentar significativos níveis de desgaste físico e emocional. A Política Nacional de Atenção Hospitalar é responsável pela organização dos leitos hospitalares no Brasil, uma competência de enfermeiros, médicos e outros trabalhadores que atuam nos Núcleos Internos de Regulação. Estudos apontam que o aumento da demanda por leitos hospitalares está entre as causas do aumento de sintomas de depressão, ansiedade e estresse entre enfermeiros e médicos na pandemia. Trata-se de estudo descritivo-exploratório de abordagem qualitativa e guiada pela Teoria das Representações Sociais. O estudo objetivou compreender as representações sociais de enfermeiros e médicos atuantes em Núcleos Internos de Regulação (NIRs), acerca das implicações na saúde mental, no contexto da pandemia por COVID-19. Utilizou-se questionário sociodemográfico para caracterização dos participantes, escala DASS-21 para identificação dos níveis de depressão, ansiedade e estresse, e roteiro-guia para condução de entrevista-semiestruturada. Foi realizada análise descritiva dos dados sociodemográficos e da escala DASS-21. Utilizou-se o software Iramuteq para identificação dos termos evocados. Foram identificadas as seguintes classes: Classe 1: Percepção dos participantes quanto as funções do NIR; Classe 2: Percepção dos trabalhadores quanto a sua rotina no NIR; Classe 3: Percepção dos trabalhadores acerca da pandemia; Classe 4: Sentimentos e emoções vivenciados por trabalhadores do NIR durante a pandemia. Classe 5: O trabalho na pandemia. Classe 6: Aprendizados resultantes da pandemia. Estas contêm os seguintes elementos: funções essenciais do NIR durante a pandemia de COVID -19; rotina dos NIRs no contexto da pandemia; reflexões sobre a vida, os sentimentos e emoções vividos pelos profissionais; necessidades, sentimentos e atitudes; sentimentos que emergiram perante o surgimento de novos casos; aprendizados perante a pandemia. Espera-se com o presente estudo apresentar as subjetividades envolvidas na percepção de enfermeiros e médicos no contexto da pandemia de COVID -19. Como contribuição espera-se desenvolver subsídios para o desenvolvimento de estratégias de atenção a saúde mental do trabalhador em contexto de crise e pós-crise. Palavras-chave: 


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ADRIANA MARCASSA TUCCI - UNIFESP
Interno - 1905399 - FRANCISCA TEREZA DE GALIZA
Presidente - 2221112 - MARCIA ASTRES FERNANDES
Interno - 1167658 - MARIA ELIETE BATISTA MOURA
Notícia cadastrada em: 13/02/2023 16:09
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.sigaa 28/05/2024 00:40