Notícias

Educação inclusiva no ensino superior é tema de debate no PPGEnf

Na segunda-feira (18), o Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da Universidade Federal do Piauí (PPGENF-UFPI) promoveu debate sobre a educação inclusiva no ensino superior e os desafios e implicações para a docência. O evento foi iniciativa das docentes Grazielle Roberta Freitas da Silva e Andreia Rodrigues Moura da Costa Valle e dos alunos de doutorado da disciplina de Fundamentos didático-pedagógicos para formação do professor-pesquisador do PPGENF-UFPI.

O I Seminário Integrador – PPGENF/UFPI com o tema: “Educação Inclusiva no Ensino Superior: Desafios e perspectivas para a formação e atuação docente”, foi motivado pela necessidade de discutir a inclusão e acessibilidade no ensino superior sob a perspectiva de alunos de graduação, pós-graduação, professores e profissionais ligados ao tema.

A educação inclusiva visa garantir o direito de todos à educação, com base na igualdade de acesso ao ensino, no entanto, apesar dos avanços, ainda há necessidade de melhorias, considerando-se que as barreiras estão não apenas no acesso, mas também na permanência no ensino superior, de acordo com pesquisadores da área.

A Profa. Dra. Márcia Astrês Fernandes, coordenadora em exercício do PPGEnf, acolheu e apoiou com  entusiasmo  a iniciativa das docentes e discentes  da disciplina, ao tempo em que manifestou o desejo de que  outras edições aconteçam, tendo em vista que a “universidade é um local de constantes debates para o avanço de temas pertinentes à sociedade e ao desenvolvimento do ensino superior brasileiro”. 

 

IMG-20231218-WA0100.jpg 

Discussão teve como tema: “Educação Inclusiva no Ensino Superior: Desafios e perspectivas para a formação e atuação docente”


Na oportunidade, a professora Márcia mediou a mesa-redonda “Vivências de Estudantes Universitários: Inclusão no Ensino Superior - Desafios do Hoje, Caminhos para o Futuro”, que contou com a participação de dois estudantes que são Pessoas com Deficiência, o acadêmico do Curso de Enfermagem da Universidade Federal do Piauí, Hiago Dias dos Santos Soares, e o acadêmico do Curso de Licenciatura em Educação Física na Universidade Estadual do Piauí, Campus Dra. Josefina Demes em Floriano-PI, Jefferson Martins de Azevedo.

O estudante  Hiago  Dias, que atualmente cursa o quinto período, considerou  o evento muito importante, pois trouxe temas necessários, principalmente para formação de futuros professores(doutorandos) que desde a sua formação já estão tendo a oportunidade de conhecer melhor a temática  e  levar  consigo para  sala de aula. “É necessário também que os professores já formados possam se atualizar sobre o tema. Espero que tenham mais eventos como esse e que a universidade torne-se cada vez mais inclusiva e acessível".

Dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira - INEP, apontam que do censo do ensino superior de 2021, um total de quase 9 milhões de alunos matriculados no ensino superior no Brasil, 63.404 são alunos com deficiência, o que representa cerca de 0,7% do total de alunos matriculados nos cursos de graduação, à distância e presencial, 

No Brasil, existe um arcabouço legal que aborda a educação de pessoas com deficiência, sendo um exemplo a Lei nº 13.146, de 6 de julho de 2015, conhecida como Lei Brasileira de Inclusão (LBI). De acordo com o Art. 27 desta lei, a educação é um direito da pessoa com deficiência, e o sistema educacional deve ser inclusivo em todos os níveis. Portanto, as universidades devem assegurar que o corpo docente esteja devidamente preparado para atender às necessidades dos estudantes com deficiência.

A doutoranda Eukalia, uma das discentes organizadora do evento, espera que as discussões realizadas possam contribuir para uma educação superior acessível e inclusiva, permitindo a inserção e permanência dos estudantes na universidade, além de contribuir para a constante formação docente.

 

 

IMG-20231218-WA0098.jpg

Notícia cadastrada em: 19/12/2023 15:03
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb03.ufpi.br.sigaa 23/05/2024 07:16