News

Banca de QUALIFICAÇÃO: FRANCISCO WELLINGTON DE ARAUJO SOUSA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: FRANCISCO WELLINGTON DE ARAUJO SOUSA
DATA: 26/06/2019
HORA: 08:00
LOCAL: CCHL - Sala de Vídeo I
TÍTULO: Estudo socioambiental da bacia hidrográfica do rio Guaribas, Estado do Piauí, Brasil
PALAVRAS-CHAVES: Bacia Hidrográfica. Planejamento Ambiental. Análise Integrada da Paisagem
PÁGINAS: 84
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Geografia
SUBÁREA: Geografia Regional
ESPECIALIDADE: Análise Regional
RESUMO:

O presente estudo tem como objetivo geral identificar e caracterizar as unidades de paisagem na bacia hidrográfica do rio Guaribas, Piauí, com base numa análise integrada do ambiente. Como objetivos específicos estabeleceram-se: caracterizar os componentes físicos e socioeconômicos da bacia hidrográfica do rio Guaribas; realizar uma análise integrada entre os componentes físicos e socioeconômicos dos municípios que se encontram na área de estudo; e identificar os impactos socioambientais a partir dos usos indevidos da área. Como procedimentos metodológicos, fez-se inicialmente a delimitação da bacia hidrográfica e a definição das seções do alto, médio e baixo cursos do rio Guaribas, o levantamento das referências teórico-metodológicas e em seguida a sistematização dos dados e informações, tendo as técnicas de geoprocessamento como apoio para os mapeamentos e análises da área de estudo. Obteve-se os primeiros resultados relativos à caracterização fisiográfica dos componentes do meio natural, em cada seção dessa bacia hidrográfica, embora ainda de forma parcial. Mas já foi possível constatar que  a base geológica aflorante é formada por rochas das formações Paleozoicas que compõem a Bacia Sedimentar do Parnaíba, correspondendo a cerca dois terços da área total, o que corresponde ao médio e baixo cursos dessa bacia, enquanto o seu alto curso tem sua base formada por rochas do escudo cristalino, datadas do pré-Cambriano. Com relação aos aspectos climáticos, a bacia está inserida totalmente na região  semiárida do Nordeste brasileiro, com índices pluviométricos de valores médios anuais de 400 até 800 ou 900 mm, com regime de chuvas fortemente concentrado em 3 ou 4 meses do ano, muitas vezes se distribuindo de forma irregular,  sendo  o período seco de 8 ou 9 meses. Os aspectos hidrográficos se caracterizam pela predominância de rios e riachos efêmeros ou temporários, que são afluentes e subafluentes do rio Guaribas. O relevo apresenta altitudes variáveis, sendo que a maior parte se encontra entre 300 a 600 m, correspondendo a 73,1% da área. Em relação aos aspectos pedológicos, observou-se uma predominância de Latossolos vermelho-amarelos, Neossolos Litólicos, Neossolos Quartzarênicos e dos Argissolos vermelho-amarelos, que em grande parte possuem baixa fertilidade natural e encontram-se bastante intemperizados, Com relação aos aspectos populacionais e a dinâmica dos indicadores sociais verificou-se um aumento da população e melhorias no IDHM no ano de 2010 em relação a 2000. Com relação às atividades econômicas principalmente associado à produção agrícola, os dados mostram uma predominância das lavouras temporárias em relação às permanentes, caracterizando a permanência do cultivo tradicional (feijão, milho e mandioca). Deste modo, pautado no levantamento das características geoambientais e socioeconômicas da área, já realizado em grande parte, o produto final consistirá na organização de um mapa de unidades de paisagem. Neste serão destacadas as potencialidades e limitações de cada unidade que compõe a bacia em estudo, visando fornecer informações relevantes para tomadas de decisões na gestão dos recursos hídricos para a região e assim nortear as políticas de planejamento ambiental na área da bacia hidrográfica do rio Guaribas, Estado do Piauí.



MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 6422093 - IRACILDE MARIA DE MOURA FE LIMA
Interno - 1300002 - GUSTAVO SOUZA VALLADARES
Externo à Instituição - JORGE EDUARDO DE ABREU PAULA - UESPI
Notícia cadastrada em: 21/06/2019 10:42
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb06.ufpi.br.instancia1 30/09/2022 14:12