News

Banca de QUALIFICAÇÃO: ANTONIO BALDUINO NUNES JUNIOR

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ANTONIO BALDUINO NUNES JUNIOR
DATA: 31/07/2020
HORA: 14:30
LOCAL: Sala virtual no google meet
TÍTULO: O USO DO SMARTPHONE PARA O DESENVOLVIMENTO DA APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA EM GEOGRAFIA NA EDUCAÇÃO BÁSICA DO MUNICÍPIO DE BOQUEIRÃO DO PIAUÍ-PI
PALAVRAS-CHAVES: Smartphone; Ensino de Geografia; Aprendizagem Significativa; Piauí
PÁGINAS: 45
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Geografia
RESUMO:

O desenvolvimento tecnológico experimentado pela humanidade nas últimas décadas vem provocando importantes reflexões em diversos campos do conhecimento e modificações nas relações pessoais e sociais, transformando a forma como a realidade é percebida. A popularização do smartphone e suas implicações em sala de aula são apontadas como prejudicial ao aprendizado, principalmente, devido ao mau uso dessa ferramenta. As instituições educacionais ainda não sabem exatamente como lidar com a situação - se proíbe ou se deixa à vontade. Partindo desta análise, esta proposta de pesquisa tem o intuito de responder: como o smartphone pode contribuir para um aprendizado significativo dos estudantes nas aulas de Geografia da Educação Básica. Considera-se que o uso do smartphone como recurso didático não convencional dentro de uma sequência didática, embasada nos pressupostos da teoria da aprendizagem significativa, apresenta uma variedade de possibilidades de aprendizagens aos estudantes. Através dessa pesquisa, busca-se analisar nas aulas de Geografia da Educação Básica o uso do smartphone como recurso didático. Para fundamentar este estudo, recorre-se a teoria da aprendizagem significativa principiada pelo estadunidense David Ausubel na década de 1960. Trata-se de uma teoria cognitiva de aprendizagem que busca explicar que a aprendizagem significativa é resultante da interação entre um novo conhecimento potencialmente significativo e aquilo já presente na estrutura cognitiva do aprendiz, somada a condição de uma predisposição ao aprendizado. Este estudo tem abordagem quali-quantitativa e compõe-se por uma revisão bibliográfica e conceitual sobre a aprendizagem significativa, o ensino de Geografia e tecnologia aplicada ao ensino de Geografia, em especial o smartphone. Para coleta de dados realizamos a aplicação de questionários afim de verificar as condições materiais e as disposições de alunos e professores para o uso do smartphone em aulas de Geografia no 9º Ano do Ensino Fundamental da Educação Básica, do município de Boqueirão do Piauí; após esse levantamento pretendemos realizar uma capacitação junto aos professores abordando possibilidades para o uso do smartphone como recurso didático no ensino escolar. Em uma segunda etapa da pesquisa, em sistema de colaboração com os professores, pretendemos selecionar turmas do 9º Ano do Ensino Fundamental, considerando as condições de acesso à internet para construirmos uma sequência didática contendo atividades que englobem o uso dos smartphones. Nessa  elaboração e aplicação observaremos os princípios da Teoria da Aprendizagem Significativa.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1087152 - JOSELIA SARAIVA E SILVA
Interno - 2280398 - ARMSTRONG MIRANDA EVANGELISTA
Externo à Instituição - JOANA AIRES DA SILVA - UESPI
Notícia cadastrada em: 08/07/2020 09:46
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb05.ufpi.br.instancia1 03/10/2022 09:33