News

Banca de DEFESA: DANIELA MIRANDA ARAÚJO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: DANIELA MIRANDA ARAÚJO
DATA: 24/08/2020
HORA: 14:30
LOCAL: Sala virtual. Google Meet
TÍTULO: Produção do espaço urbano de Barão de Grajaú/MA: como e por quem é produzido?
PALAVRAS-CHAVES: Espaço Urbano. Agentes Produtores do Espaço. Cidade Pequena. Terceiro Setor. Barão de Grajaú/MA.
PÁGINAS: 120
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Geografia
SUBÁREA: Geografia Humana
ESPECIALIDADE: Geografia Urbana
RESUMO:

Compreender a produção do espaço requer entender diferentes caminhos, a atuação dos agentes que disputam, entre si, os seus interesses no contexto deste espaço, provocando modificações em diferentes âmbitos e propósitos. Deste modo, o presente trabalho analisou a produção do espaço urbano de Barão de Grajau/MA, uma cidade pequena no interior do Maranhão que vem passando por modificação em sua malha urbana, este processo está diretamente ligado a atuação de agentes produtores do espaço. Esta dissertação possui como objetivo geral realizar um estudo do processo de expansão urbana da cidade de Barão de Grajau/MA, a partir da ação dos agentes produtores do espaço urbano. Como objetivos específicos: analisar o processo de expansão urbana de Barão de Grajaú, a partir do século XXI, e dessa forma compreender como ocorre o dinamismo que está por trás do crescimento na malha urbana da cidade. A partir daí identificar os agentes produtores do espaço que estão relacionados ao processo de expansão urbana de Barão de Grajaú/MA. E diante disso, entender a contribuição dos agentes na expansão urbana de Barão de Grajaú. Para alcançar estes objetivos a pesquisa adotou o trabalho de gabinete e campo, que se desenvolveram, em parte, de forma concomitante. No trabalho de gabinete foi realizado um levantamento das bases conceituais a respeito dos conceitos principais que envolvem a temática da produção do espaço urbano de modo a possibilitar um aporte teórico para a pesquisa. A fase de trabalho de campo se constituiu de visitas in loco afim de subsidiar os objetivos traçados. A coleta de dados ocorreu com a ida a campo em momentos distintos em um primeiro momento em março de 2019, novamente em outubro de 2019 e por último no mês de fevereiro de 2020. Foram realizadas entrevistas, além da população, foram entrevistados o Prefeito da cidade, a coordenadora da Fundação Pavel, o gerente administrativo de uma empresa, Proprietários Fundiários e o responsável pelo Setor de Terras e Tributos. Desta forma, a imersão nesta pesquisa revelou que Barão de Grajaú encontra-se em um processo do crescimento urbano, de modo que este está atrelado a atuação em conjunto ou não dos agentes produtores do espaço.  Evidencia-se que o processo de expansão urbana em Barão de Grajau/MA é perceptível, mas não ocorre de forma similar em todas as áreas da cidade, faz-se necessário um planejamento entre aqueles que estão a frente deste dinamismo para alcançar resultados satisfatórios.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 423676 - ANTONIO CARDOSO FACANHA
Externo ao Programa - 838.623.153-04 - GLAUCIANA ALVES TELES - UVA
Externo ao Programa - 276280 - MARCOS ANTONIO DE CASTRO MARQUES TEIXEIRA
Presidente - 1433032 - RAIMUNDO LENILDE DE ARAUJO
Notícia cadastrada em: 03/08/2020 09:35
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb04.ufpi.br.instancia1 03/10/2022 08:11